Burberry compra importante fornecedor italiano de artigos de couro à CF&P

A Burberry anunciou um "investimento estratégico" em artigos de couro numa altura em que a empresa continua a transitar de um foco quase exclusivo no vestuário para um maior - e crescente - negócio de acessórios.


Burberry

A empresa de luxo revelou que chegou a acordo para adquirir o negócio de artigos de couro de luxo à sua parceira italiana de longa data CF&P, que tem sede em Scandicci, Itália.

Os funcionários da CF&P, "incluindo a equipa de artesãos especializados que trabalharam de perto com a Burberry durante mais de uma década, serão transferidos para a empresa após a conclusão da transação, prevista para o final deste ano”. Os termos do acordo não foram divulgados.

As operações da empresa italiana permanecerão na sua localização atual, enquanto algumas partes da CF&P não incluídas na transação continuarão a operar como entidades separadas sob a designação CF&P, mas num local distinto.

O CEO da Burberry, Marco Gobbetti, que está claramente determinado a impulsionar a mudança na empresa, disse: "Esta aquisição é um importante marco para nós e uma declaração da nossa ambição nesta categoria estrategicamente importante. Irá criar um centro de excelência para os artigos de couro da Burberry, abrangendo todas as atividades, incluindo prototipagem, inovação de produtos, engenharia e coordenação de produção. O que nos dará um maior controlo sobre qualidade, custo, entrega e sustentabilidade dos nossos artigos de couro."

Um número crescente de marcas de luxo assumiram o controlo de fornecedores-chave nos últimos anos, entre as quais se destaca a Chanel. Enquanto isso, outras - como a Hermès - há muito que prosperam a operar com base num modelo de negócio no qual são proprietárias das empresas responsáveis pelo fornecimento dos materiais de luxo que usam e empregam diretamente os artesãos que desempenham funções essenciais na criação dos seus produtos.

Neste sentido, a iniciativa da Burberry não é surpreendente, embora o objetivo final não seja o controlo direto de todos os aspetos do negócio Burberry. O acordo acontece também após a empresa ter entregado as suas operações de beleza à gigante global Coty, reconhecendo que o especialista americano em fragrâncias, cuidados com a pele e cosméticos está melhor posicionado para maximizar as oportunidades e receitas no universo da beleza do que a própria Burberry.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Luxo - AcessóriosLuxo - DiversosNegócios