Chambre Syndicale, orgão que dirige a moda na França, ganha nome novo

A Chambre Syndicale, orgão que dirige a moda na França, acaba de ganhar um nome novo. Agora ela se chamará Fédération de la Haute Couture et de la Mode (FHCM) (Federação da Alta Costura e da Moda - FHCM). A mudança havia sido anunciada previamente em fevereiro.

A Chambre Syndicale organiza os desfiles da Semana da Moda de Paris (Imagem: Jean Paul Gaultier). - © PixelFormula

"O novo nome enfatiza a Haute Couture (Alta Costura), uma particularidade francesa que representa a moda em seus aspectos mais criativos. Ele está relacionada à criação e inovação, ao savoir-faire em todas as suas facetas, da arte à tecnologia", comentou Pascal Morand, presidente executivo da organização desde 2016.

O nome oficial anterior desta organização industrial poderosa era muito longo: Fédération Française de la Couture, du Prêt-à-Porter, des Couturiers et des Créateurs de Mode,  embora todos a chamavam de Chambre Syndicale.

Entre as suas múltiplas funções, a federação controla a programação de seis semanas ao ano da moda:  duas para a moda masculina, duas para o prêt-à-porter feminino e duas para Alta Costura, esta tendo início sábado por cinco dias consecutivos.

"Esta mudança de nome também tem como objetivo definir com mais precisão o alcance da Federação, que desempenha um papel crucial no ecossistema da moda nacional, mas também internacional. Buscando valorizar seu passado, mas mantendo um olho no futuro, a Federação dá prioridade, em toda circunstância, à criação, à ligação intrínseca entre cultura e indústria, e ao desenvolvimento de novos talentos", explica Pascal Morand.

Além de  semanas de moda mais prestigiosas, antes de Londres, Milão e Nova York, a semana de moda parisiense é a mais internacional. Este ano, por exemplo, a temporada de Alta Costura será aberta por duas marcas americanas em alta no momento,  Proenza Schouler e Rodarte, atraídas pela aura da capital da moda.

"A abertura ao internacional e o respeito pela diversidade são parte integrante de todos os nossos projetos", acrescenta Pascal Morand.


Novo logo da FHCM, criado por Philippe Apeloig

Além dos desfiles, a federação controla o Designer's Apartment, um showroom que acompanha novas marcas de moda e desenvolveu uma plataforma digital, a New Now. Além disso, ela é um membro fundador da "École de la Chambre Syndicale de la Couture Parisienne", uma das melhores escolas de modelagem no mundo, bem como o "Institut Français de la Mode", a melhor escola europeia de negócios da moda.

A organização também revelou um novo logotipo, desenhado por Philippe Apeloig, e anunciou a criação de um novo site nos próximos meses. O aplicativo "Paris Fashion Week", desenvolvido pela FHCM e lançado em janeiro de 2016, também terá novas funções.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirIndústria