Dr. Martens retira o seu novo director-geral da Deckers

Depois de 12 anos à frente da Dr. Martens, David Suddens prepara um recuo. A marca britânica anuncia que o seu administrador delegado está a aprontar-se para se tornar executivo não-presidente da marca.
Campanha Dr. Martens Stand For Something para 2014.

A partir de outubro próximo, a marca de calçados terá como novo director-geral uma estrela do ‘footwear’: Steve Murray. Desde 2011 o dirigente era director-geral Europa, Médio Oriente e África do grupo Deckers. Anteriormente ele passou mais de 10 anos na Vans e presidiu o polo Action Sports da VF Corp entre 2009 e 2010.

A Dr. Martens anuncia também a chegada de Henrik Holmark para o posto de director financeiro. Desde 2009 ele era o director das finanças da joalharia dinamarquesa Pandora.

Contratações que têm lugar após a aquisição, por 355 milhões de euros (300 milhões de libras), da empresa familiar R. Griggs, casa mãe da Dr. Martens, pelo fundo Permira, finalizada em janeiro passado.

Durante o anúncio da aquisição, o fundo europeu de investimentos realçou o potencial de crescimento internacional da Dr. Martens. A nova equipa de direcção terá por objectivo, entre outras ações, a exploração dessas mesmas oportunidades.

Copyright © 2017 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - CalçadosNomeações