Esprit perde diretor de produto após reorganização

A Esprit está à procura de um novo diretor criativo após o anúncio de que Rafael Pastor deixará o seu cargo de diretor de produto da cadeia de moda no final desta semana, a 17 de maio. Pastor pretende focar-se em novos desafios fora do grupo, disse a empresa num comunicado. No entanto, a recente reorganização dos altos cargos da empresa poderá também ser um dos motivos para a sua saída.


Rafael Pastor deixará o seu cargo no final da semana - ESPRIT

Pastor chegou à Esprit, vindo da Inditex, no final de 2013. A sua saída segue-se à de Manuel Martinez, que também ingressou na empresa após sair da Inditex e atuou como CEO da Esprit até março, quando foi substituído pelo ex-diretor da New Look, Anders Kristiansen.

Na Esprit, Pastor queria otimizar a relação preço-desempenho das coleções e reconquistar a geração mais jovem, como explicou na primavera de 2015 em entrevista à FashionNetwork.com.

Como diretor de produto, Pastor dirigiu as divisões de produto da Esprit a nível mundial e teve uma forte contribuição para o negócio, aprimorando o processo de desenvolvimento de produtos, trazendo importantes funções de produção de volta para a empresa e criando uma estrutura de gestão de categorias particularmente forte.

No entanto, apesar da sua elevada experiência no setor da fast-fashion, Pastor não conseguiu contrabalançar as desafiadoras condições do mercado e a fraca reputação da Esprit.

De acordo com o comunicado, a empresa de vestuário está à procura de um novo diretor de produto juntamente com o novo CEO, Anders Kristiansen. Durante o período de transição até a nomeação de um novo diretor de produto, os responsáveis pela moda feminina, masculina e licenças globais assumirão a responsabilidade das suas respetivas divisões de produtos, reportando diretamente a Kristiansen.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirModa - AcessóriosDenimLingerieBalneárioNomeações