Farfetch vai contratar 500 pessoas

A Farfetch planeja contratar até ao final do ano 500 trabalhadores. Além do investimento humano, a maior rede de comércio online de artigos de luxo investiu um milhão de euros nas novas instalações em Lisboa. Estas têm capacidade para 300 pessoas e, até ao final deste ano, estará instalada uma centena de colaboradores.

José Neves

“Esta mudança é sinônimo da nossa capacidade de crescimento acelerado”, sublinha Luís Teixeira, diretor-geral da Farfetch, acrescentando que a nova centena de funcionários no novo espaço aumentará para 900 o número de colaboradores da empresa em Portugal.

A tecnológica portuguesa afirma ter investido três milhões de euros no país, só no último ano, e não pretende ficar por aqui. Até Dezembro, a Farfetch planeja contratar mais 500 pessoas.

As novas instalações da Farfetch ficam no Edifício D. Luís I, na zona de Santos. Neste espaço, vão estar equipes de trabalho sobretudo dedicadas ao desenvolvimento tecnológico, mas também das áreas de Customer Service, People Team e Office Management.

Para garantir que o “Efeito Farfetch” se mantém, a tecnológica levou para o novo escritório uma piscina de bolas, um piano de cauda e uma sala de jogos, entre outros pormenores “que tornam o espaço diferente e que contribuem para criar um ambiente de trabalho único”, como é explicado em comunicado.

José Neves (na foto), CEO da Farfetch, refere ainda que o novo espaço permite à empresa “crescer e reforçar a equipe de tecnologia em Lisboa e continuar a responder com inovação aos desafios do cliente do futuro”. Uma das mais recentes apostas da Farfecth na inovação é a Store of the Future, uma loja física em Londres que coloca a tecnologia no centro da experiência de consumo.

Copyright © Jornal T. Todos os direitos reservados.

Luxo - DiversosDistribuição