Kering distribuirá ações da Puma

Como sugerido durante vários meses, o grupo da família Pinault está a desvincular-se do lifestyle desportivo. O grupo anunciou o seu plano de vender a maioria das ações da Puma para se concentrar em produtos de luxo.

Puma

"Este projeto permite que a Kering reforce o seu status como player de luxo, com maior rentabilidade, posicionando o Grupo entre os melhores do setor. O objetivo é continuar a crescer e desenvolver todas as suas marcas de luxo na Couture, artigos de couro, joias e relojoaria com base na sua alta geração de fluxo de caixa e sólida situação financeira", afirmou o grupo em comunicado.

François-Henri Pinault deu um forte sinal quando deixou o conselho da Puma em 2017.

"Este projeto de distribuição de ações da Puma aos nossos acionistas é um passo decisivo na história do Grupo. A Kering dedicar-se-á inteiramente ao desenvolvimento das suas marcas de Luxo, cuja atratividade nos permitirá continuar a ganhar participação no mercado e criar valor. Esta transação permitirá que nossos acionistas beneficiem diretamente da criação de valor futuro da Puma. Estamos orgulhosos em ter apoiado a reviravolta da marca, que hoje tem forças únicas para tirar proveito da dinâmica global dos seus mercados. O apoio da Artémis, que se tornaria a sua maior acionista, e a Kering, como uma acionista minoritária significativa, reflete a sua confiança na capacidade da empresa de continuar a atingir os seus objetivos estratégicos e financeiros."

Os acionistas marcarão agora a data de 26 de abril de 2018: durante a reunião geral da Kering, serão oferecidos os termos da distribuição em espécie das ações da Puma.

Traduzido por Isabel Pimentel

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirDesportoLuxo - Pronto-a-vestirLuxo - DiversosNegócios
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER