Mochilas Monte Campo celebram 40 anos com novas edições

As mochilas Monte Campo estão de parabéns e para comemorar os 40 anos de existência da marca de S. João da Madeira lança uma nova versão da mochila Gardunha, o  seu modelo mais icónico.


Agora reinventada, a Gardunha MC mantém o design inicial mas, para acompanhar as necessidades dos utilizadores, conta com uma bolsa interior para o portátil. O conforto foi também uma das prioridades e por isso a marca destaca ainda a colocação de uma nova rede nas costas e alças da mochila, para uma melhor ventilação.

O tradicional logotipo da marca foi também substituido por um bordado na pala da machila, as fitas são estampadas com o nome da insígnia e os tecidos e fechos exteriores são à prova de água. Sob o mote “Há 40 anos nas costas dos portugueses”, estas novas versões estão disponíveis em mais de uma dez cores e padrões.

Aproveitando o revivalismo do mercado, o factor nostalgia e a vantagem que é hoje ser “Made in Portugal”, a marca que muitos a julgavam extinta renasce, com um catálogo que conta com 40 modelos em dois segmentos: o de lifestyle e o de montanha.

Actualmente, a fábrica da Monte Campo emprega 15 pessoas e, apesar  de a maquinaria fazer  parte do quotidiano, o segredo da durabilidade da marca está, garante o fundador, nas mãos das costureiras que nos modelos mais robustos de mochilas chegam a introduzir esqueletos de alumínio. Por serem peças resistentes e de confiança, o GIPS (Grupo de Intervenção Proteção e Socorro) da GNR é um dos clientes da marca, tendo já encomendado 200 mochilas de combate a incêndios.

A Monte Campo foi criada por Eduardo Pinheiro mais como uma oportunidade do que um desejo antigo. “Na altura, íamos acampar com um grupo de amigos para a Serra da Feita. Mas, para termos mochilas, tínhamos de ir a Vigo comprá-las. Nada contra os espanhóis, mas ir até lá ainda custava dinheiro”, conta ao Observador. Aproveitando esta falha do mercado português, apareceram os primeiros exemplares, desenhados por Eduardo e cosidos pela mulher. Mais tarde, deram o salto para as mochilas escolares, de sucesso imediato.

Agora, a empresa está a cargo das três gerações da família: para além do fundador, estão envolvidos o filho e o neto deste, também os dois de nome Eduardo. Com a experiência do passado e os olhos no futuro, empresa continua a seguir em frente, sempre com o mesmo lema: tudo o que se fizer, fazer bem feito.

Copyright © Jornal T. Todos os direitos reservados.

Moda - AcessóriosColeção