Nicola Formichetti deixa cargo na Diesel

Enquanto o cargo de CEO da Diesel permanece desocupado, a marca do grupo OTB enfrenta o anúncio da saída do seu diretor criativo, Nicola Formichetti, que assumiu as rédeas do estilo da empresa italiana em 2013 e levou a marca numa direção mais criativa, de volta às suas raízes denim.


Nicola Formichetti e Renzo Rosso, fundador da Diesel e presidente da OTB - Diesel

O designer italo-japonês vai encerrar a sua aventura na marca italiana no final do ano, quando termina o seu contrato, que não será renovado.

"Quero agradecer a Nicola pela sua colaboração ao longo destes anos, que permanecerão como um momento especial na história da nossa marca", declarou Renzo Rosso, fundador da Diesel e presidente do grupo OTB, em comunicado. "Ele retomou o nosso passado, as nossas peças emblemáticas e reformulou-as com o ADN da marca, relançando a imagem da Diesel sobre os valores da liberdade e originalidade", acrescentou.

A marca anunciou recentemente que o seu diretor geral, Alessandro Bogliolo, deixaria a empresa para dirigir a marca de joias Tiffany. Desde então, ainda não foi entrou um substituto. Nicola Formichetti tem sido especialmente ativo com a sua marca própria desde a última Semana de Moda de Londres e assinou um acordo com a Amazon.

A Diesel, por outro lado, mudou de comunicação no outono, abrandando as suas redes sociais, o que apagou o trabalho realizado pelo seu diretor criativo nos últimos anos.

Nicola Formichetti deixou a empresa no início de dezembro, coincidindo com a nomeação de um novo diretor geral para o grupo, Ubaldo Minelli.

A marca transalpina registou um volume de negócios de 960 milhões de euros em 2016, e continua a acumular perdas.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirDenimLuxo - Pronto-a-vestirCriação