Um "Mad Max" holográfico na Balmain

A Câmara de Paris recebeu um exército de guerreiras chics vestidas em materiais metálicos holográficos e prateados para o desfile da Balmain.


Photo: Pixelformula

Depois de sete anos na Balmain e muito respeito pelo ADN de alta costura da marca, o designer Olivier Rousteing resolveu olhar para o futuro e usou plásticos de alta tecnologia e materiais espaciais para criar a sua mais nova coleção. Tudo isto com o toque de loucura à la Tina Turner.

"Sempre fui um grande fã de 'Mad Max', então eu queria uma mulher futurista. Ela é uma guerreira, é violenta e não tem medo de nada. Rompe os limites. O meu maior luxo na moda é sentir-me livre!”, exclamou Rousteing abraçando Farida Khelfa e Olga Kurylenko.

Rousteing abriu o desfile com calças flare e um top ajustado, tudo bastante clássico, mas feito de poliéster e prata, que refletiam os grandes afrescos do teto do Hôtel de Ville de Paris.

Com Kim Wilde ao fundo emocionando com a música "You keep me hangin’ on", o enorme elenco desfilou blazers holográficos e psicodélicos combinados com calças pretas de PVC,  e vestidos luminosos cor verde-limão que brilhavam à luz do dia. Roupas para sair à noite, muita cor de pele, semi-transparente, macacões de chiffon e vestidos bandagem com o logotipo da marca. Definitivamente não eram roupas para trabalhar. 

Olivier Rousteing é conhecido pelo seu talento de artesão, os seus bordados e ornamentos, mas este desfile foi muito mais longe, já que experimentou novos materiais, como o PVC. No entanto, apesar dos tecidos brilhantes,  o designer manteve a sua silhueta magra e elegante.

“Estou na Balmain há sete anos e passei por muita coisa e muitas críticas, algumas delas bastante odiosas. Mas, hoje sinto-me em paz, porque a Balmain é uma marca forte com uma forte identidade. E estou orgulhoso do que faço", disse o designer, visivelmente emocionado.
 

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirLuxo - Pronto-a-vestirIndústria