×
302
Fashion Jobs
DIRETOR(A) INDUSTRIAL
Diretor(a) Industrial
Efetivo · MONACO-VILLE
GIANNI KAVANAGH
PR / Influencers Management
Efetivo · BRAGA
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services Bik - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Comprador de Vestuário (m/f)
Efetivo · Porto
CONFIDENCIAL
Country Manager Iberica Textile
Efetivo · PORTO
SALSA
Ecommerce Product Manager – Desenvolvimento do Negócio Digital da Marca
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
SPORT ZONE
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
FOREO
Business Development Specialist
Efetivo · Lisbon
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
COURIR PORTUGAL
Sales Assistant - Coimbra cc Forum Coimbra - CDI - Part-Time - 20h - m/h
Efetivo ·
COURIR PORTUGAL
Sales Assistant - Lisboa cc Chiado - CDI - Part-Time - 20h - m/h
Efetivo · LISBOA
PEPE JEANS (RETAIL)
Vendedor / Vendedora - Coimbra
Efetivo · COIMBRA
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Madeira Shopping - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Funchal
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Funchal Rua - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Funchal
Por
AFP
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
10 de fev. de 2022
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

2021 foi ano "histórico" para a L'Oréal, melhor que antes da pandemia

Por
AFP
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
10 de fev. de 2022

Apesar das máscaras e restrições sanitárias, a gigante mundial da cosmética L'Oréal anunciou na quarta-feira que teve um ano de 2021 "histórico", com vendas e lucro acima dos resultados anteriores à pandemia.


Maybelline


“Num contexto global ainda volátil neste início de ano”, o grupo diz-se “confiante” na sua capacidade de gerar um crescimento superior à média do mercado em 2022 e de progredir tanto no volume de negócios como nos resultados, segundo o seu diretor-geral Nicolas Hieronimus, citado em comunicado.
 
Em 2021, a L'Oréal viu o seu volume de negócios aumentar 8% em relação a 2019 e 15,3% em relação a 2020, para 32,287 mil milhões de euros. Um desempenho ligeiramente superior ao consenso estabelecido pela Bloomberg e pela Factset, que apontavam, respetivamente, para 31,934 mil milhões e 32,049 mil milhões de euros em vendas.

A rentabilidade também melhorou, com uma margem operacional atual de 19,1% contra 18,6% nos dois anos anteriores.
 
Os produtos L'Oréal Luxe (Lancôme, Yves Saint Laurent, Giorgo Armani, etc.) tornam-se a divisão líder da empresa, com 12,34 mil milhões de euros em vendas. Impulsionado pelo sucesso dos perfumes, este setor supera por pouco os produtos de grande consumo (Garnier, Maybelline, L'Oréal Paris, etc.), que ainda não alcançaram totalmente os níveis anteriores à pandemia, apesar de "um desempenho notável da maquilhagem".
 
A divisão de cosmética ativa (La Roche-Posay, Vichy, etc.) "duplicou de tamanho em quatro anos", atingindo 3,9 mil milhões em vendas, enquanto a divisão de produtos profissionais (Kerastase, Redken, etc.) avança com 3,79 mil mil milhões de euros em vendas.
 
Geograficamente, a Europa, principal mercado com 10,18 mil milhões em vendas, "voltou a crescer (...) mas continua a ficar para trás em relação a 2019", segundo o grupo.

O Norte da Ásia ocupa o segundo lugar com 9,86 mil milhões de euros em vendas. A China continental registou "uma forte progressão de dois dígitos em 2021, duas vezes o crescimento do mercado da beleza", segundo o comunicado. Durante o último trimestre, a L'Oréal China alcançou "um crescimento superior a 50% em relação a 2019 numa base comparável", indica o grupo.

A América do Norte segue de perto o Norte da Ásia com 8,15 mil milhões de vendas. As regiões do Sul da Ásia/Médio Oriente/Norte de África atingiram 2,31 mil milhões de euros e a América Latina 1,77 mil milhões.
 
A L'Oréal irá propor aos seus acionistas um dividendo de 4,80 euros por ação, em comparação com 4 euros em 2020.
 
Em 2019, foi proposta uma compensação de 4,25 euros durante a apresentação dos resultados, mas revistos em baixa para 3,85 euros na assembleia geral de abril de 2020 devido à pandemia.

Copyright © AFP. Todos os direitos reservados. A Reedição ou a retransmissão dos conteúdos desta página está expressamente proibida sem a aprovação escrita da AFP.