×
307
Fashion Jobs
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
2 de dez. de 2022
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

A L'Oréal investe na empresa de microalgas Microphyt

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
2 de dez. de 2022

A L'Oréal continua a concentrar-se na química verde. O seu fundo de private equity L'Oréal Bold (Oportunidades de Negócios para o Desenvolvimento L'Oréal) acaba de assumir uma participação minoritária na Microphyt, especialista francesa em biotecnologia. O montante da transacção não foi especificado.


A L'Oréal investe na Microphyt, especialista em ciências verdes - DR


Fundada em 2007 e sedeada em Baillargues (Hérault), a Microphyt desenvolveu um processo de baixo impacto de carbono para a produção de microalgas, organismos vegetais microscópicos utilizados em cosmética pelas suas propriedades ativas. Este processo patenteado, que utiliza estímulos naturais (luz, sal, nutrientes, variação de temperatura), permite a esta biotecnologia produzir as maiores variedades de microalgas do mundo em grande escala e de forma controlada.

Em 2019, a Microphyt angariou 28,5 milhões de euros do fundo SPI da Bpifrance e da Sofinnova Partners. O objetivo da empresa, que nos últimos 18 meses lançou três ingredientes ativos inovadores em cosmética, é acelerar o seu desenvolvimento.

"Esta operação está em plena consonância com a estratégia de investigação e inovação da L'Oréal no campo das ciências verdes, através de numerosas parcerias estratégicas com start-ups inovadoras no sector da biotecnologia, em França e internacionalmente. Esta política pró-activa está no centro dos objectivos que a L'Oréal estabeleceu para 2030 como parte do seu programa de desenvolvimento sustentável, incluindo o objectivo de que 95% dos seus ingredientes serão de origem biológica, derivados de minerais abundantes ou de processos circulares", disse o grupo num comunicado.

A L'Oréal e Microphyt construirão uma plataforma tecnológica e reunirão recursos para desenvolver matérias-primas a partir de biomassa de microalgas. Esta fusão ocorre numa altura em que a L'Oréal formou várias parcerias nos últimos meses para reforçar o seu ecossistema nas ciências verdes da beleza, como a que foi assinada com o Singapore Centre for Environmental Life Sciences Engineering (SCELSE) e o Laboratoire de Chimie des Polymères Organiques de Bordeaux (LCPO).

No terceiro trimestre do seu exercício financeiro de 2022, o grupo L'Oréal viu as suas vendas aumentar em 19,7% para 9,58 mil milhões de euros.
 

Copyright © 2023 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.