Aalto desfila pré-coleção em Milão em junho

A Fashion Week masculina de Milão abre-se gradualmente às mulheres. Na sua próxima edição, em junho, a semana da moda recebe a marca parisiense de prêt-à-porter  Aalto, fundada em 2014 pelo estilista finlandês Tuomas Merikoski. A marca feminina, conhecida pela sua elegância nórdica contemporânea, desfilará pela primeira vez com a sua pré-coleção. O desfile está marcado para o dia 18 de junho, às 15h, na Via Savona.


Ver o desfile
O último desfile Aalto em Paris para o outono-inverno 2018-19 - © PixelFormula

"Para as marcas de moda, uma grande parte do negócio concentra-se nas pré-coleções, com as quais, neste momento, registamos quase 70% das nossas vendas. Isto é, habitualmente, feito através do showroom e de um lookbook que mostra parcialmente a coleção, com uma visibilidade bastante limitada. No entanto, especialmente para os retalhistas, é importante ter cobertura da imprensa", explica Valeria Martelli, responsável, desde o início, pela direção comercial e administração da marca.

"Hoje em dia, os clientes esperam tanta criatividade na pré-coleção como na coleção principal. Na verdade, são duas coleções, a primeira é a coleção de primavera e a segunda é a coleção de verão.” Mas, além da Semana da Alta Costura, não existe verdadeiramente um nicho para um posicionamento a montante do calendário tradicional.
 
Para a Aalto, que desfila desde setembro de 2015 na Semana da moda feminina de Paris, esta é a primeira oportunidade de desfilar em Milão. A marca está fortemente ligada a esta cidade, onde já apresentou as suas coleções durante o salão White, e a Itália no geral, onde vai buscar os seus tecidos. A empresa tem como objetivo desenvolver-se ainda mais neste mercado, onde é, atualmente, distribuída através de oito lojas, incluindo a Antonioli, em Milão, e a Guia, em Florença.

No atual panorama das Fashion Weeks, em plena evolução, Milão apresenta-se para a marca como "a mais experimental e menos estática", impulsionada pelo seu interesse em reforçar uma semana masculina em declínio, com muitas deserções associadas à reorganização das casas, em torno de desfiles mistos únicos.

Efetivamente, a capital lombarda recebe em junho outras marcas femininas, como Stella McCartney, que apresentará, num evento especial, a sua linha masculina, mas também a sua coleção primavera 2019, ou Alberta Ferretti, com um desfile duplo dedicado à sua coleção cruise e à sua linha de semi-costura Limited Edition.

E destaca Valeria Martelli: "A câmara italiana da moda oferece-nos condições que não teríamos noutros lugares". É a oportunidade ideal para atrair as atenções para a Aalto num momento crucial para as vendas.

A marca, que emprega seis pessoas, continua o seu percurso sem falhas, com um crescimento anual de 20%. Com 120 lojas multimarca em todo o mundo, regista entre 60 a 65% das suas vendas na Ásia. O seu principal mercado é o Japão, seguido pela China, Coreia do Sul e França, onde pode ser encontrada nomeadamente no Bon Marché, Galeries Lafayette, L'Eclaireur e Tom Greyhound.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirModa - DiversosLuxo - Pronto-a-vestirLuxo - DiversosDesfiles
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER