×
305
Fashion Jobs
GIANNI KAVANAGH
PR / Influencers Management
Efetivo · BRAGA
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services Bik - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Comprador de Vestuário (m/f)
Efetivo · Porto
CONFIDENCIAL
Country Manager Iberica Textile
Efetivo · PORTO
SALSA
Ecommerce Product Manager – Desenvolvimento do Negócio Digital da Marca
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
SPORT ZONE
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
FOREO
Business Development Specialist
Efetivo · Lisbon
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
COURIR PORTUGAL
Sales Assistant - Lisboa - CDI - Part-Time - 30h - m/h
Efetivo · LISBOA
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Madeira Shopping - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Funchal
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Funchal Rua - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Funchal
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Alma Shopping - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Coimbra
CLAUDIE PIERLOT PORTUGAL
Vendedor(a) - CDD 15h - 6 Meces - Porto Norte H/F
Temporario · SENHORA DA HORA
TOMMY HILFIGER (RETAIL)
Vendedor/a - 30h - Chiado
Temporario · LISBOA
Por
Reuters
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
6 de mai. de 2022
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Adidas reduz perspetivas anuais devido ao confinamento na China

Por
Reuters
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
6 de mai. de 2022

A Adidas reviu na sexta-feira em baixa as suas previsões para 2022 após uma queda nos seus resultados no primeiro trimestre, com as medidas de confinamento novamente impostas na China a continuarem a afetar a marca desportiva.


Reuters


As vendas do grupo a taxas de câmbio constantes caíram 3% para 5,3 mil milhões de euros e o lucro das operações continuadas caiu 38% para 310 milhões de euros durante o trimestre.
 
Na China continental, onde as vendas desceram 35% no primeiro trimestre, o volume de negócios para a totalidade do ano deverão cair significativamente devido ao encerramento de lojas e uma queda acentuada no número de visitantes.

A Adidas espera agora atingir o lado inferior da sua orientação para 2022, ou seja, um aumento 11 a 13% do seu volume de negócios a taxa de câmbio neutra, bem como um lucro líquido de operações contínuas entre 1,8 e 1,9 mil milhões de euros.

O grupo reduziu também as suas previsões de margem operacional, indicando que esta permanecerá ao nível do ano anterior, 9,4%, contra os 11% previstos anteriormente.
 
Kasper Rorsted, diretor-geral da Adidas, declarou: “Neste ambiente, caracterizado por graves desafios externos, é imperativo manter o foco nos nossos objetivos estratégicos. Embora permaneçamos ágeis, não colocaremos em risco a nossa oportunidade de crescimento a longo prazo para maximizar os lucros a curto prazo.”
 
Apesar do declínio prolongado das vendas na China continental e de um impacto negativo de 200 milhões de euros devido a restrições na cadeia de aprovisionamento, a Adidas espera um regresso ao crescimento no segundo trimestre.
 
No segundo semestre, as vendas líquidas deverão crescer mais de 20%, apoiadas principalmente por um melhor aprovisionamento, uma forte dinâmica nos mercados ocidentais e grandes eventos desportivos.

© Thomson Reuters 2022 Todos os direitos reservados.