×
374
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Amancio Ortega recebe 1,626 mil milhões de euros em dividendos da Inditex, após cobrar 813 milhões esta segunda-feira

Por
Europa Press
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
today 4 de nov de 2019
Tempo de leitura
access_time 3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

O fundador e primeiro acionista da Inditex, Amancio Ortega, receberá este ano um total de 1,626 mil milhões de euros (cerca de 1,814 mil milhões de dólares) como dividendos da empresa ao cobrar esta segunda-feira 813,1 milhões de euros (cerca de 907 milhões de dólares) pela última retribuição do ano que a empresa galega pagará aos seus acionistas.


Amancio Ortega - Inditex


Mais concretamente, Ortega recebe quase 1,63 mil milhões de euros em dividendos através das empresas Pontegadea Inversiones e Partler, com as quais controla 59,294% da estrutura acionista da Inditex, em comparação com 1,386 mil milhões que recebeu pelo mesmo conceito em 2018.
 
Nos 1,626 mil milhões de euros que o fundador da Inditex recebe este ano estão incluídos, além do dividendo ordinário, que representa um pay out de 60% do lucro, o dividendo extraordinário de um euro por ação a ser distribuído ao longo dos anos 2019, 2020 e 2021.

O primeiro efeito da nova política de dividendos da Inditex é um aumento na retribuição ao acionista de 17% este ano, o que significa distribuir 0,88 euros por ação, 0,66 euros como dividendo ordinário e 0,22 euros como extraordinário Um primeiro pagamento de 0,44 euros materializou-se a 2 de maio e o segundo pagamento no mesmo valor a 4 de novembro.

Amancio Ortega é o primeiro acionista da gigante têxtil galega, com uma participação de quase 60%, equivalente a um pacote de 1848 milhões de ações.
 
A sua filha Sandra Ortega, por seu lado, proprietária de 5,053% da empresa galega, recebe este ano mais de 138 milhões de euros em dividendos da Inditex, metade também esta segunda-feira, em comparação com os 118,1 milhões que recebeu no ano anterior.
 
No total, a empresa pagará este ano aos seus acionistas em conceito de dividendo mais de 2,742 mil milhões de euros, em comparação com os 2,335 mil milhões de euros pagos em 2018.

O fundador da Inditex investe parte dos dividendos que recebe da empresa têxtil no setor imobiliário através da sua empresa de investimentos Pontegadea Inmobiliaria. Ortega é proprietário da maior imobiliária espanhola, focada na compra e venda de grandes edifícios, com um portefólio de ativos imobiliários que consiste principalmente em edifícios de escritórios, não residenciais, localizados no centro de grandes cidades de Espanha, Reino Unido, Estados Unidos e Ásia .
 
O fundador da Inditex encerrou 2018 com uma carteira imobiliária no valor de 9,767 mil milhões de euros, o que representa um aumento de 11,5% em relação ao ano anterior, agrupada na sua empresa Pontegadea Inversiones, que possui um património líquido de 23,493 mil milhões de euros, superior aos 21,006 mil milhões de euros do ano anterior.

No final de 2018, a Pontegadea Inversiones contabilizava ativos de vários tipos no valor de 31,762 mil milhões de euros, o que representa um aumento de 9,4% em comparação com os 29,028 mil milhões de euros registados em 2017.
 
A empresa patrimonial Ortega registou um lucro atribuído de 1,817 mil milhões de euros em 2018, mais 23% do que no ano anterior, que fechou com lucros de 1,475 mil milhões de euros.

Copyright © 2019 Europa Press. Está expressamente proibida a redistribuição e a retransmissão do todo ou parte dos conteúdos aqui apresentados sem o prévio e expresso consentimento.