Arábia Saudita organiza a sua primeira Arab Fashion Week

Jean Paul Gaultier e Roberto Cavalli estão na Arábia Saudita, encabeçando a primeira Arab Fashion Week do reino, um evento que teve início na terça-feira com partes iguais de entusiasmo e controvérsia.


O reino ultraconservador testemunhou uma rápida mudança de política desde a nomeação, em junho, do príncipe herdeiro Mohammed bin Salman, filho do rei e herdeiro do trono - AFP

Duas semanas mais tarde do que o inicialmente previsto, a edição saudita da Arab Fashion Week reúne designers da Europa e do mundo árabe ao longo de quatro dias - incluindo a saudita Arwa Banawi, cuja linha The Suitable Woman é adorada pelas fashionistas da região, e Mashael Alrajhi, a marca epónima inclusiva em termos de género de uma sheikha saudita raramente vista.
 
A princesa Noura Bint Faisal Al-Saud, presidente honorária do Arab Fashion Council em Riade, juntou-se a estilistas, influenciadores e membros da indústria da Ucrânia ao Líbano para a temporada inaugural da semana de moda no Ritz-Carlton em Riade, o hotel agora infame por ter sido palco da detenção de centenas de membros da realeza e empresários, presos no âmbito de uma operação de combate à corrupção liderada pelo estado.

"Sempre houve um interesse pela moda na Arábia Saudita", disse a princesa Noura à AFP durante o evento.

"Não era algo que não estivesse já a ser pensado", acrescentou. "O nosso conselho de moda está a tentar elevar a indústria da moda da Arábia Saudita a um novo patamar, criar uma indústria totalmente nova."
 
Listada como uma semana de moda internacional, tal como Paris e Milão, a Arab Fashion Week oferece exclusivamente coleções e pré-coleções see-now-buy-now. Até esta semana, tem sido exclusivamente organizada no Dubai, a capital da moda do Golfo.

Mas, ao contrário do que acontece no Dubai, os desfiles de Riade não estão abertos às câmaras e só as mulheres podem participar.

Este reino ultraconservador tem testemunhado uma rápida mudança de política desde a nomeação, em junho, do príncipe herdeiro Mohammed bin Salman, filho do rei e herdeiro do trono.

A partir deste verão, as mulheres serão autorizadas a conduzir. O príncipe herdeiro também deu a entender que a abaya, o longo manto solto usado pelas mulheres do pescoço para baixo, poderá não ser obrigatória.

"Estamos muito entusiasmados por anunciar a história e a nova era para o reino e para todo o mundo árabe que é a Arab Fashion Week", disse Jacob Abrian, CEO do Arab Fashion Council.
 
Uma segunda edição da Saudi Arab Fashion Week já está agendada para outubro.
 
O Dubai continuará a receber paralelamente a sua Arab Fashion Week, cuja sexta edição decorre de 9 a 12 de maio.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © AFP. Todos os direitos reservados. A Reedição ou a retransmissão dos conteúdos desta página está expressamente proibida sem a aprovação escrita da AFP.

Moda - Pronto-a-vestirLuxo - Pronto-a-vestirDesfiles
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER