Azzedine Alaïa homenageado em museu de Londres

O designer de moda de origem francesa e tunisina Azzedine Alaïa será homenageado pelo Museu do Design de Londres com uma grande exposição no próximo ano. Alaïa faleceu no dia 18 de novembro, aos 77 anos.


AFP/Archives / Gabriel BOUYS

A exposição "Azzedine Alaïa: The Couturier" irá realizar-se de 10 de maio a 7 de outubro e vai mostrar mais de 60 peças selecionadas pessoalmente pelo icónico designer.

"Azzedine Alaïa foi reconhecido ao longo da sua vida como um mestre couturier que expressou a beleza atemporal da forma feminina no grau mais refinado da alta-costura”, declarou o museu.

"O Museu do Design irá apresentar esta exposição única planeada pelo próprio Alaïa, explorando a sua paixão e energia pela moda, da forma que ele próprio queria."

Alaïa nasceu numa família de agricultores na Tunísia em 1940 e estudou escultura na escola de artes plásticas de Tunes, antes de trabalhar num modesto atelier de costura de bairro.

Alcançou fama na década de 1980, recusando-se a entrar no ritmo das semanas de moda internacionais, lançando, em vez disso, as suas coleções no seu próprio tempo, com pouca preocupação com a publicidade. Ficou conhecido como o "King of Cling" pelos seus vestidos form-fitting.

"Gosto das mulheres", disse Alaïa à AFP numa entrevista em 2013. "Nunca penso em fazer coisas novas e ser criativo, penso em criar roupas que deixem as mulheres lindas.”

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © AFP. Todos os direitos reservados. A Reedição ou a retransmissão dos conteúdos desta página está expressamente proibida sem a aprovação escrita da AFP.

Moda - Pronto-a-vestirLuxo - Pronto-a-vestirEventos
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER