×
371
Fashion Jobs
JD SPORT
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
FOREO
Business Development Specialist
Efetivo · Lisbon
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services - Compensation (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
JD SPORT
Demand Planner (m/f)
Efetivo · Maia
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
MAX MARA PORTUGAL
Sales Assistant - Max Mara - el Corte Ingles
Temporario · LISBOA
DIREKTE LINE
Mobile Merchandiser (Repositor/a) 8h/s Sâo Joâo da Madeira
Trabalho temporário · SÃO JOÃO DA MADEIRA
JD SPORT
Vendedor (m/f) Sport Zone Alcantarilha - Nova Abertura
Temporario · Alcantarilha
BIMBA Y LOLA
Vendedor/a - Porto Norteshopping
Temporario · PORTO
BIMBA Y LOLA
Encarregado/a de Loja - Guimarães
Temporario · GUIMARÃES
BIMBA Y LOLA
Vendedor/a - Guimarães
Temporario · GUIMARÃES
MAJE
Supervisor - Lisbon Amoreiras
Temporario · LISBOA
BIMBA Y LOLA
Vendedor/a - Vila do Conde
Temporario · VILA DO CONDE
COURIR PORTUGAL
Vendedor/a / Sales Assistant – Porto - CDI - 40h - m/h
Efetivo · VILA NOVA DE GAIA
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
9 de dez. de 2021
Tempo de leitura
4 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Balenciaga desafia limites da realidade com coleção grunge dos anos 90

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
9 de dez. de 2021

Não contente com ter conquistado a atenção dos media internacionais, transcendendo as fronteiras da própria moda, graças à apresentação da sua última coleção através da projeção de um episódio de Os Simpsons, a Balenciaga experimentou mais uma vez o potencial de criar narrativas paralelas à realidade para revelar a sua proposta para a próxima estação de outono-inverno 2022. Intitulada "The Lost Tape", a coleção foi lançada na quarta-feira (8 de dezembro) sob a forma de uma curta-metragem dirigida pelo cineasta americano Harmony Korine – conhecido por filmes independentes como "Gummo" e "Spring Breakers". E tornou-se a primeira que o designer Demna Gvasalia assinou o nome "Demna", simplesmente. Segundo um comunicado da maison é assim que o georgiano será referido a partir de agora a fim de "separar a sua obra criativa da sua vida privada".


Uma coleção inspirada na estética do movimento grunge de Seattle - Balenciaga


Uma cassete de vídeo com o título e a data de apresentação serviu de teaser para a coleção, antecipando perfeitamente o fio condutor comum que marcaria as novas propostas da maison propriedade do grupo de luxo Kering: uma nostalgia radical para os anos 90. Com este período em mente, o vídeo da coleção, apresentado fisicamente à imprensa e compradores num formato de showroom a partir dos seus escritórios na Rue des Sèvres em Paris, na quarta-feira (8), optou por adotar uma estética visual analógica para representar um desfile de moda fictício.
 
Um desfile que recebeu os seus convidados, nos bastidores ou na primeira fila, orquestrado pelo próprio Korine com a ajuda de Demna. Um desfile de moda como nunca aconteceu... ou talvez tenha acontecido. Porque é isso que a Balenciaga está a jogar. Depois de ter anunciado a criação de um departamento dedicado ao Metaverso no início deste mês, será que a celebração de um desfile de moda precisa de responder aos cânones e canais convencionais para que o público considere que realmente se realizou? A Balenciaga colocou mais uma vez os seus leais fãs no papel de observadores de um evento, questionando mais uma vez como a moda é abordada ou consumida num mundo dominado por ecrãs.

Um total de 61 looks foi captado sob a forma de polaroids, fiéis à estética vintage. A Balenciaga aposta tudo no preto numa proposta praticamente monocromática que faz lembrar o pós-grunge (por outras palavras um grunge mais viável comercialmente). Um vestuário típico da estética "rave", do qual se destaca o gosto pelo couro, presente em saias compridas com corte em evasé, casacos largos com ombros estruturados, um modelo com detalhes acolchoados, ou calças largas de motociclista onde se integram as botas XXL, que também encontraram o seu protagonismo em pares extra longos estilo mosqueteiro ou na sua versão à prova de água para a chuva. Em linha com o compromisso da marca para com a sustentabilidade, esta estação apresentou 89,6% de tecidos sustentáveis certificados, bem como peças rotuladas como o couro reciclado.


A aposta no preto numa proposta praticamente monocromática - Balenciaga


As ombreiras exageradas características do estilo do designer georgiano repetiram-se em longos e elegantes casacos de lã, bem como em vários casacos de fato com mangas delicadamente torcidas ou em casacos de peito duplo de tamanho exagerado usados do avesso, com o fecho nas costas. A coleção foi completada por um punhado de calças à medida, bem como calças de rua e várias reinterpretações do jogger.
 
A um nível mais sofisticado, a Balenciaga ofereceu vestidos drapeados assimétricos ou túnicas de franjas fluidas com logotipos ton sur ton, bem como construções de vestidos e tops de lingerie em branco e azul celeste. Os grandes volumes e os detalhes de couture jogaram-se num longo casaco de couro ou num imponente, quase aristocrático anoraque, encimado por uma cauda com a forma de laço que se desenvolve desde uma abertura zipada nos ombros, na parte de trás. A ganga tornou-se o tecido obrigatório da coleção, em diferentes tonalidades e lavagens, declinado em casacos largos e calças descaídas.


O toque de cor foi dado por um enorme casaco de pele verde néon - Balenciaga


Por sua vez, o toque de cor foi dado por um enorme casaco de pele verde néon onde não falta uma camisola de capuz por baixo. Uma ligeira gabardina branca, dois casacos longos inspirados em roupões de banho, bodies de manga larga ou camisetas da proposta “underwear”, entre outras de manga curta com pequenos logos no centro do peito completados por acessórios com pingentes de chave, brincos em forma de dedal, óculos futuristas ou bolsas entrançadas.
 
"Penso que este show muda a vida. Está completamente a outro nível", comentou como convidada a modelo Naomi Campbell, no final do desfile fictício, partilhando com outros VIPs (como Isabelle Huppert, Susanne Bartsch, Esther Cañadas, Cathy Horyn, Diane Pernet, Renata Litvinova) a convicção de que a moda digital não só veio para ficar como parece ser convincente.
 

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.