×
269
Fashion Jobs
ADIDAS
Financial Controller & Reporting Senior Specialist (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
SALSA
IT Service Desk Specialist
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
HR Controlling & Data Analytics Senior Specialist (m/ f
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
Manager - Project Management & Strategy
Efetivo - CLT · Porto
 GRUPO CONSTANT SERVIÇOS EMPRESARIAIS, LDA.
Area Manager - Retalho/Moda (m/f) - Lisboa
Efetivo - CLT · Lisboa
ADIDAS
Sales Associate Centro Comercial Norteshopping
Efetivo - CLT · Porto
SALSA
IT Sap Specialist fi/co e HR
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Gbs Senior Buying Specialist (m/ f) - French Speaker
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
General Ledger Manager (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
H&M
Senior Lawyer - Expansion Department
Efetivo - CLT · Barcelone
SACOOR BROTHERS
Sales Assistant- Arrábida Shopping - Vila Nova de Gaia (m, f)
Efetivo - CLT · Porto
SACOOR BROTHERS
Sales Assistant- Rua Pascoal de Melo (m, f)
Efetivo - CLT · Lisboa
SACOOR BROTHERS
Costureira de Alta Costura- Oeiras Parque (m, f)
Efetivo - CLT · Lisboa
SACOOR BROTHERS
Sales Assistant- Dolce Vita Tejo (m, f)
Efetivo - CLT · Lisboa
LA ESTAMPA
Coordenador de Estilo (m/f)
Efetivo - CLT · BRAGA
FARFETCH
Senior Men Stylist
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
FARFETCH
Senior Stylist
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
FARFETCH
Stylist Browns
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
VALÉRIUS
Estágio - Modelista
Estágio · BARCELOS
MR.MOOD
Estágio - Web Designer
Estágio · PORTO
BOUTIQUE DOS RELÓGIOS
Assistente de Vendas Mandarim - Luxo
Efetivo - CLT · LISBOA
H&M
Area Human Resources For Portugal
Efetivo - CLT · Lisboa

Bershka alia-se à National Geographic para ser mais verde

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
today 7 de nov de 2019
Tempo de leitura
access_time 3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

A cadeia jovem da Inditex reflete a vontade do grupo galego em posicionar-se em matéria de sustentabilidade através de uma coleção fabricada a partir de materiais sustentáveis juntamente com a National Geographic. Um passo à frente na concretização dos objetivos ecológicos da empresa de grande distribuição, que quer garantir que as peças com a etiqueta sustentável "Join Life" representam 25% do total comercializado até 2020.


A aliança entre a Bershka e a National Geographic faz parte do projeto Join Life da Inditex - Bershka


Imagens de paisagens naturais e da vida selvagem capturadas pela National Geographic invadem a última coleção da Bershka, que incorporou a etiqueta "Join Life", o selo Inditex que garante o uso de matérias-primas "mais sustentáveis". Neste caso, as peças foram elaboradas a partir de poliéster reciclado e algodão de cultivo ecológico, em percentagens que variam em função das peças. Do poliéster 100% reciclado dos blusões acolchoados aos 25% do mesmo material na produção das bolsas de cintura até ao algodão orgânico, usado a 100% em t-shirts e a 65% nas sweaters com capuz.
 
Com propostas para homem e mulher, a coleção apresenta uma seleção de agasalhos, como casacos de penas (69,99 euros), sweaters (29,99 euros), t-shirts estampadas (15,99 euros), mochilas (35,99 euros) ou bolsas de cintura (25,99 euros). Disponível numa seleção de lojas e no seu site, a coleção está à venda desde 5 de novembro.

Em termos de faturação, a Bershka é a segunda cadeia do grupo atrás da sua marca principal, a Zara. Nos primeiros seis meses de 2019, a marca vendeu mais 3,3%, atingindo 1,08 mil milhões de euros, face aos 12,82 mil milhões de euros de faturação total do grupo. Assim, a cadeia jovem já representa 8,4% das vendas globais da Inditex, enquanto a Zara e a Zara Home respondem por 69,4%.


As peças da coleção são produzidas a partir de poliéster reciclado e algodão ecológico - Bershka


Em que consistem as iniciativas sustentáveis da Inditex?



Falar da etiqueta "Join Life" é, para o grupo galego, sinónimo de sustentabilidade. Um termo vasto que, no caso desta etiqueta, implica que as peças cumprem pelo menos um de três requisitos ambientais. Segundo explica a Inditex, o primeiro baseia-se no fabrico de peças com "matérias-primas mais sustentáveis", como algodão orgânico, tecido ecológico Tencel ou fibras recicladas. Por seu lado, o segundo critério concentra-se na produção através de tecnologias que permitem poupança de água, enquanto o terceiro se foca em processos que reduzam as emissões.

No primeiro semestre do exercício em curso, as diferentes cadeias do grupo Inditex registaram 136 milhões de unidades com a etiqueta "Join Life", número que iguala o número de peças comercializadas sob essa etiqueta durante o exercício anterior. Por seu lado, o presidente do grupo, Pablo Isla, sublinhou que "o forte desempenho operacional da empresa e o impulso decisivo à sustentabilidade em toda a cadeia de valor são aspetos claramente complementares".

Embora a Inditex já se tenha proposto que as peças feitas de materiais sustentáveis representem 25% da produção no próximo ano, também será o último exercício no qual os sacos de plástico continuarão a ser utilizados em todas as cadeias, depois de já os ter eliminado completamente na Zara, Zara Home, Massimo Dutti e Uterqüe. Além disso, até 2025, conforme a assembleia geral de acionistas aprovou a 16 de julho, 100% do algodão, linho e poliéster utilizados nas roupas serão "orgânicos, mais sustentáveis ou reciclados". Juntamente com a viscose, que atingirá alcançará esses objetivos em 2023, estes tecidos representam 90% da matéria-prima adquirida pelo grupo.

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.