×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
15 de out de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

BFC divulga novo formato para Fashion Awards com foco em respostas pandémicas

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
15 de out de 2020

O British Fashion Council (BFC) está a introduzir um novo formato para o Fashion Awards 2020, com o evento de 3 de dezembro a transformar-se em digital, "à luz das restrições impostas a eventos e viagens de grande escala".


Nadja Swarovski, Caroline Rushe Stephanie Phairno evento do ano passado - BFC


O BFC informou que irá reconhecer "designers, marcas, criativos e personalidades que criaram mudanças positivas dentro da indústria da moda este ano". Sendo que os prémios têm evoluído, em 2020, para colocar uma maior ênfase em fazer o bem.

Isto significa destacar "aqueles que enfrentaram corajosamente este período desafiador com respostas pró-activas à pandemia global, mostraram liderança e resiliência criativa", bem como aqueles "que se levantaram contra os preconceitos dentro da indústria da moda" e lutaram pela mudança.

O objetivo é particularmente "dar destaque àqueles que fizeram esforços humanitários, adaptaram os seus modelos empresariais e responderam às necessidades da sua comunidade".

20 Personalidades e marcas serão reconhecidas e receberão o Fashion Awards 2020 em honra da sua contribuição específica. Serão anunciados como parte de um pequeno filme "que documentará a indústria da moda, neste ano extraordinário, ao mesmo tempo que reunirá uma lista de líderes de opinião da próxima geração e criativos para partilharem a sua visão pessoal sobre os momentos mais importantes de 2020".


O designer de moda inglês, Daniel Lee, atualmente diretor criativo da Bottega Veneta,agraciado como galardão em 2019


A presidente do BFC, Stephanie Phair, adiantou que, "num ano como nenhum outro, as empresas e os estilistas tiveram de se adaptar a uma nova realidade. É mais importante do que nunca reconhecer aqueles que, na indústria da moda, desempenharam um papel importante neste ano extraordinário, provando a compaixão e a resiliência da nossa indústria".

Já a CEO Caroline Rush acrescentou que ficou claro, em 2020, que "a indústria da moda está a precisar de um reinício" e por isso foi "importante reconhecer as pessoas e empresas que desempenharam um papel em algumas das questões mais importantes e desafiantes da nossa geração e defender aqueles que levantaram a fasquia em áreas como a diversidade, sustentabilidade e comunidade".
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.