×
359
Fashion Jobs
GRUPO CÃES DE PEDRA
Head of Marketing / Brand Manager
Efetivo - CLT · PORTO
GIANNI KAVANAGH
Marketing Director
Efetivo - CLT · BRAGA
UNREAL FIELDS
Creative/Art Director
Efetivo - CLT · LISBOA
SALSA
Commercial Product Manager - Work With Product in The Fashion Business
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
SALSA
IT Development Specialist – Oportunidade de Fazer a Diferença no Dia a Dia do Utilizador Final
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
Buyer (m/f) - French Speaker
Efetivo - CLT · Porto
TIFFOSI
Area Manager (m/f)
Efetivo - CLT · Faro
ADIDAS
Buyer - German Speaker (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
JD SPORT
Stock Financial Controller
Efetivo - CLT · Alicante
JD SPORT
Demand Planner
Efetivo - CLT · Alicante
EMPRESA DE MODA NO SETOR DO LUXO
Vendedor/a de Loja de Gama Alta
Trainee · LISBOA
SALSA
Industrial Improvement Manager – Tinturaria/Lavandaria/Acabamentos Especiais
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Alegro Alfragide - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Carnaxide
GRUPO CÃES DE PEDRA
Diretor(a) Creativo Moda Hombre / Mujer
Efetivo - CLT · VILA DO CONDE
EUGÉNIO CAMPOS JEWELS
Assistente Loja Online (E-Commerce)
Estágio · VILA NOVA DE GAIA
LES ATELIERS LISBOETES
Associate in Digital Marketing And E-Commerce - Estágio 6 Meses
Estágio · LISBOA
LION OF PORCHES
Editor de Imagem/Vídeo (m/f)
Efetivo - CLT · PORTO
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Almada Fórum - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Almada
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Loures Shopping - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Loures
SYSTEMACTION
Vendedor
Estágio · LISBOA
THE KOOPLES
Sales Assistant Part Time (20h) Lisboa
Trabalho temporário · LISBOA
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
27 de mar de 2020
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

British Fashion Council lança o fundo BFC Covid-19

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
27 de mar de 2020

O British Fashion Council (BFC) anunciou, sexta-feira (27 de março) que está a lançar um novo fundo para apoiar empresas e indivíduos criativos em crise, durante o surto de COVID-19. 

Através da sua instituição de caridade, a Fundação BFC (que reúne todas as iniciativas de caridade, sob um mesmo tecto), está a disponibilizar 1 milhão de libras esterlinas de fundos de emergência, "a maioria dos quais apoia empresas de design e com uma parte dos fundos também atribuída aos estudantes, sustentando a futura geração de talentos criativos".


BFC lança novo fundo para apoiar empresas e criativos no Reino Unido


Mas, o BFC, está também a iniciar uma campanha de angariação de fundos, pois sabe que 1 milhão de libras não será suficiente.

O novo fundo foi possível através da junção das subvenções de apoio ao talento da BFC, que tradicionalmente teriam sido atribuídas quer para apoio na fase inicial, quer para o crescimento e promoção do negócio. Claramente, o showcaseing está fora da agenda por enquanto, uma vez que os desfiles e eventos de moda são cancelados globalmente. 

Como mencionado anteriormente, o BFC também frisou que "embora £1 milhão seja um grande começo, a escala da necessidade é muito maior e [o BFC] tem chamado tanto o governo a intervir para trabalhar com ele no estímulo significativo da indústria, quanto a indústria e individualidades para apoiarem o Covid Crisis Fund através de doações, a fim de mais empresas poderem ser apoiadas neste momento".

Acrescentou que a nova campanha de arrecadação de fundos busca "contribuições que serão cruciais para a sobrevivência das empresas de design lideradas por talentos criativos que inspiram a indústria global".

A crise tem visto empresas criativas a lutar em várias frentes. O BFC pede apoio para liquidez na forma de subsídios ou empréstimos de baixo risco a longo prazo, que abordem cancelamentos no retalho e garantias de venda e, por sua vez, ajudará as empresas a lidar com a interrupção da cadeia de suprimentos e um potencial efeito dominó do fracasso".

Aconselha, também, a pedir suspensão de rendas de escritórios e lojas para se proteger ainda mais o emprego. 

A CEO, Caroline Rush, disse: "Agora, mais do que nunca, estamos empenhados em apoiar os negócios e as pessoas que constituem a nossa indústria. Com o BFC Foundation Covid Crisis Fund e as doações arrecadadas, a nossa esperança é apoiar as empresas britânicas que precisam de subsídios adicionais, além do estímulo governamental disponível, para enfrentar os desafios mais urgentes".

Os pedidos de subvenção do fundo serão abertos dentro dos próximos sete dias e decorrerão até 10 de Abril. Os candidatos devem ter um negócio de moda de designer estabelecido e coleções que consistem principalmente em roupas femininas e masculinas, acessórios, chapelaria e jóias finas - e não roupas de noiva ou infantil. Os candidatos também precisam de ter uma empresa sediada no Reino Unido e estar registados na Companies House, ou como comerciante independente. Deve ser maioritariamente detida pelo designer/ director criativo e não ter tido financiamento externo "em qualquer montante material". E o dinheiro solicitado deve estar relacionado com um propósito claro para ajudar o negócio a sobreviver durante o próximo ano.

O fundo já está a ser apoiado por parceiros do BFC, incluindo Arch & Hook, British Vogue, Browns, Burberry, Depop, GQ, JD.com, Label/Mix, Paul Smith, Rodial e Value Retail.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.