×
371
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Brunello Cucinelli encerra ano fiscal com receita de 553 milhões de euros

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
today 8 de jan de 2019
Tempo de leitura
access_time 2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

A Brunello Cucinelli não sabe o que é a crise. A empresa italiana encerrou mais um ano com crescimento "polido", como o fundador homónimo da marca de luxo adora definir. A receita líquida registou um aumento de 8,1% à taxa de câmbio atual para 553 milhões de euros (+10,7 a taxas de câmbio constantes), em relação a 2017. "Mais um ano terminou de forma 'esplêndida', tanto em números como sob o perfil da imagem da marca internacionalmente", comentou Brunello Cucinelli.


Instagram/Brunello Cucinelli


A Grande China - que responde por 10% da faturação total da marca - continua a impulsionar o crescimento da empresa de Solomeo, que alcançou vendas de 54,8 milhões de euros no país asiático, com crescimento de 28,5%, ante a 42,7 milhões em 2017. Em geral, todos os mercados tiveram bom desempenho: Europa (+ 8,5%), América do Norte (+ 3,9%) e o mercado interno, Itália, (+ 4,2%), com aumento de dois dígitos nos demais países (+ 10,7% para 59 milhões de euros).
 
Analisando o resultado por canal de distribuição, no retalho a marca italiana de luxo registou vendas de 226,5 milhões de euros ( ante a + 9% em 2017); o retalho monomarca gerou receita de 296,3 milhões de euros, enquanto o atacado registou um aumento significativo de + 9,4%. No ano de 2018, a Brunello Cucinelli abriu duas novas lojas monomarca e converteu quatro franquias em lojas diretas. Hoje, a marca possui mais de 100 lojas em todo o mundo.

Muitos dos investimentos da empresa em 2018 foram dirigidos ao canal comercial e de produção, logística e TI / Digital, num custo total de 45 milhões de euros. Destes, 6,5 milhões foram gastos para adquirir a parcela remanescente (38%) no capital da subsidiária russa, com o objetivo de supervisionar diretamente um mercado de grandes perspetivas para o grupo.
 
As estimativas para 2019 também são positivas, graças "ao ótimo sell-out do inverno passado e à quantidade de encomendas da coleção primavera-verão 2019", concluiu o empresário de Úmbria, que prevê "mais um ano de um crescimento em linha com 2018”.
 
Fundada em 1978 na aldeia medieval de Solomeo, perto de Perugia, a marca Brunello Cucinelli está presente em mais de 60 países através de 127 monomarcas e 650 multimarcas.

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.