×
357
Fashion Jobs
MINGA LONDON
Ecommerce Manager
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
MINGA LONDON
Head of Creative Content / Art Director
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
SALSA
IT Retail Systems Specialist – Oportunidade de Suporte e Participação em Projetos de IT
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
GIANNI KAVANAGH
Marketing Director
Efetivo - CLT · BRAGA
SALSA
IT Development Specialist – Oportunidade de Fazer a Diferença no Dia a Dia do Utilizador Final
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
TIFFOSI
Area Manager (m/f)
Efetivo - CLT · Faro
ADIDAS
Buyer - German Speaker (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
JD SPORT
Stock Financial Controller
Efetivo - CLT · Alicante
JD SPORT
Demand Planner
Efetivo - CLT · Alicante
EL CORTE INGLÉS, GRANDES ARMAZÉNS SA
Vendedores de Moda
Efetivo - CLT · LISBOA
RE/MAX COLLECTION, MAXGROUP
Profissional do Setor de Moda (m/f) Com Vertente Comercial
Estágio · LISBOA
BROWNIE
Sales Advisor
Efetivo - CLT · PORTO
BROWNIE
Sales Advisor
Efetivo - CLT · LISBOA
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - 8ª Avenida - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · São João da Madeira
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Parque Atlântico - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Ponta Delgada
CONFIDENCIAL
Engenheiro(a) de Qualidade Têxtil - Vestuário
Efetivo - CLT · PORTO
SANDRO PORTUGAL
Concession Manager - Lisboa el Corte Ingles h/m
Efetivo - CLT · LISBOA
LION OF PORCHES
Técnico(a) de Qualidade
Efetivo - CLT · VILA DO CONDE
RALPH LAUREN
Sales Associate (Vendedor Loja)
Efetivo - CLT · Alcochete
SANDRO PORTUGAL
16 Hours Sales Assistant Lisbon h/m
Trainee · LISBOA
MINGA LONDON
Stylist
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
Publicado em
15 de fev de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Calçado recebe 3 milhões para apostar nas marcas

Publicado em
15 de fev de 2021

As empresas do setor do calçado irão beneficiar, este ano, de um incentivo de 3 milhões de euros para desenvolverem as suas marcas, avança a APICCAPS (Associação Portuguesa dos Industriais de Calçado, Componentes, Artigos de Pele e Seus Sucedâneos). Trata-se do maior orçamento de sempre para o efeito.
 

O setor do calçado irá beneficiar, este ano, de um incentivo de 3 milhões de euros para desenvolver as suas marcas - Fotografia: APICCAPS


O incentivo tem como propósito, adianta a associação, “promover o upgrade de imagem das marcas do setor e fomentar uma imagem de excelência das empresas e dos seus produtos, muito especialmente online, consideradas ferramentas essenciais para o processo de internacionalização”.

Concedido no âmbito do Programa “Valorização da Oferta”, uma iniciativa da APICCAPS que conta com o apoio do programa Compete2020, este orçamento será orientado para áreas estratégicas como a publicidade, a contratação de assessorias de comunicação em diferentes mercados, a produção de catálogos ou a produção e criação conteúdos fotográficos e multimédia destinados ao contacto com público profissional e consumidores finais. O registo de marcas e modelos estão também contemplados no âmbito destes apoios financeiros.

E, numa altura em que o online ganha cada vez mais destaque, a vertente digital não passa ao lado da APICCAPS, que em setembro passado lançou o Portal Portuguese Shoes, “a maior montra de calçado português”. Indo ao encontro da tendência digital, os apoios dão especial destaque a investimentos relacionados com esse universo, contemplando a realização de campanhas de marketing digital (redes sociais, e-mail marketing, publicidades pagas) e investimentos direcionados para o acesso a plataformas de comércio e marketing online ou participação em feiras virtuais.  


Nova campanha Portuguese Shoes, que pretende refletir um setor que “estica as pernas depois de um ano de recolhimento” - Fotografia: Frederico Martins

 
E se, no ano passado, foram mais de 60 as empresas do setor do calçado que recorreram a apoios destinados à “Valorização da Oferta”, este ano o aumento do orçamento deverá, de acordo com a APICCAPS, levar também a um aumento no número de adesões.

As empresas da fileira do calçado beneficiam desde 2015, através da APICCAPS, de apoios à promoção das marcas próprias, um dos eixos do trabalho desenvolvido pela associação para impulsionar o setor, que inclui ainda à participação em feiras e exposições internacionais e a campanha anual de promoção internacional Portuguese Shoes.
 
Os 3 milhões que serão investidos ao longo deste ano deverão permitir reforçar o reconhecimento da qualidade da produção nacional, que tem evoluído positivamente de forma notória ao longo dos últimos 15 anos, levando a que, em 2019, retalhistas e importadores estrangeiros se mostrassem dispostos a pagar mais 28% por calçado com etiqueta made in Portugal

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.