×
374
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Califórnia proíbe frascos de champô descartáveis em hotéis

Por
Ansa
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
today 8 de nov de 2019
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Uma nova política ambiental está a estabelecer-se em hotéis de luxo. Além dos cartões que convidam o hóspede a pensar nos danos ambientais relacionados com a troca de toalhas e lençóis após apenas uma noite, agora os hotéis 5 estrelas irão banir champô, condicionador, gel de banho e creme para o corpo descartáveis.


Linha de amenidades Courrèges, produzidas em colaboração com GM Groupe.


O primeiro lugar a adotar esta medida é a Califórnia, onde foi anunciado que entrará em vigor a proibição de amenidades descartáveis em hotéis pequenos até 2024 e em hotéis com mais de 50 quartos até 2023. Isso significa que qualquer estabelecimento que fornecer produtos de higiene pessoal em plástico descartável aos hóspedes enfrentará uma primeira multa por infração de 500 dólares e até 2.000 dólares por quaisquer violações subsequentes.

O movimento acompanha outras medidas anunciadas no início deste ano, como pela cadeia internacional de hotéis Marriott, que deixará de usar pequenas embalagens de plástico nos quartos de hotel até 2020; e pela multinacional britânica InterContinental Hotels, que eliminará 200 milhões de frascos em miniatura dos seus quartos até 2021.

Trata-se de um ponto de viragem para a hotelaria de luxo, considerando que a indústria do turismo está a preocupar-se cada vez mais com o impacto ecológico e a crescente demanda de turistas, incluindo os clientes mais ricos, por produtos e medidas sustentáveis.

Copyright © 2019 ANSA. Todos os direitos reservados.