×
689
Fashion Jobs
TIFFOSI
Area Manager (m/f)
Efetivo · Braga
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Specialist Direct-tO-Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Buyer - Spanish Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Apo (Snp/Ibp) Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Non-Trade Procurement Business Analysis (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
JD SPORT
Footwear Buyer
Efetivo · Alicante
JD SPORT
Apparel Buyer
Efetivo · Alicante
SACOOR BROTHERS
Fiel de Armazém (Storekeeper) - c. Comercial Colombo (m, f)
Efetivo · Lisboa
MINGA LONDON
Digital Marketeer
Efetivo · GUIMARÃES
SACOOR BROTHERS
Sales Assistant - c. Comercial Norteshopping (m, f)
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist - People Services - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
JD SPORT
Demand Planner (m/f)
Efetivo · Maia
ADIDAS
Manager Gbs Delivery Excellence - Resource Planning (M/F/D) -Porto/Herzo
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Specialist Reporting & Analytics (M/F/D) - Direct to Consumer Ecommerce
Efetivo · Porto
ADIDAS
Manager Gbs Delivery Excellence - Resource Planning (M/F/D) -Porto/Herzo 1
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - Mobility (M/F/D)
Efetivo · Porto
Por
Europa Press
Publicado em
17 de nov. de 2015
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

China planeia apertar fiscalização sobre comércio eletrónico

Por
Europa Press
Publicado em
17 de nov. de 2015

Pequim (Reuters/EP) – A China aumentará a fiscalização sobre o comércio eletrónico, disse um regulador esta terça-feira, buscando erradicar produtos de qualidade inferior que prejudicam companhias como Alibaba e a imagem do país.


A Administração Estatal da Indústria e Comércio (Saic, na sigla em inglês) planeja aplicar inspeções de qualidade aleatórias sobre produtos que podem ser comprados em linha, de acordo com um comunicado no sítio web do órgão regulador. A Saic vai levar em conta avaliações dos consumidores e pressionar por cooperação das plataformas de retalho em linha.
 
Companhias como Alibaba e a rival JD.com, e muitas outras, têm sido chamadas pelos reguladores chineses por permitir a venda de produtos de baixa qualidade, assim como produtos contrafeitos.

Mas as autoridades estão também ansiosas para acabar com a reputação geral da China como um mercado invadido por riscos à segurança dos consumidores e violações desenfreadas de propriedade intelectual.
 
Os comerciantes descobertos vendendo produtos que não se enquadram nos padrões dos reguladores serão obrigados a paralisar as vendas, disse a Saic. As plataformas de comércio eletrónico nos quais tais comerciantes operam também serão responsáveis por remover os produtos, acrescentou.
 
"Tudo aquilo que protege o consumidor chinês é uma boa notícia", disse um porta-voz da JD.com, segunda maior empresa de retalho em linha do país.

Copyright © 2021 Europa Press. Está expressamente proibida a redistribuição e a retransmissão do todo ou parte dos conteúdos aqui apresentados sem o prévio e expresso consentimento.