Claire's: presidente da filial europeia torna-se CEO mundial

Depois de um exercício complicado, a Claire's troca de Presidente Diretor Executivo. A retalhista especializada em acessórios anunciou a demissão de James D. Fielding, depois de dois anos no posto de CEO. O conselho de administração já encontrou a sua substituta na pessoa de Béatrice Lafon, que dirige desde 2011 a filial europeia do grupo americano. A sua nomeação passou a valer a partir do passado 2 de abril.
Béatrice Lafon. - DR

Esta Britânica foi escolhida não apenas por sua experiência de trinta anos no retalho (na Marks & Spencer, River Island ou TJ Hugues entre outras), mas também por suas capacidades provadas em matéria de recuperação de empresas. Com as suas novas funções, ela pretende “focar a qualidade, reforçando as melhores práticas”, declarou a nova dirigente.

Simultaneamente a Claire's publicou o seu relatório anual. O exercício 2013, findo em 1º de fevereiro passado, mostrou uma orientação negativa. O volume mundial de negócios atingiu 1,500 milhões de dólares, ou seja, 1,100 milhões de euros, com uma retração de quase 3%. Mas, acima de tudo, a retalhista registou perdas que ascenderam a 47,5 milhões de euros. Portanto, Béatrice Lafon terá de provar mais uma vez que pode contribuir para reorientar os números para uma evolução positiva.

Nos fins de 2013, a Claire’s contava com uma rede de 3.118 lojas próprias espalhadas por 18 países (na Europa, Estados Unidos e China), assim como 416 franchises entre o Médio Oriente, América Central e do Sul, mas também na Ásia central e no sul deste mesmo continente.

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - AcessóriosNomeações
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER