×
355
Fashion Jobs
GIANNI KAVANAGH
PR / Influencers Management
Efetivo · BRAGA
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services Bik - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Comprador de Vestuário (m/f)
Efetivo · Porto
CONFIDENCIAL
Country Manager Iberica Textile
Efetivo · PORTO
SALSA
Ecommerce Product Manager – Desenvolvimento do Negócio Digital da Marca
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
FARFETCH
Account Manager (Italian Speaker)
Efetivo · PORTO
LION OF PORCHES
Copywriter
Efetivo · MINDELO
SPORT ZONE
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
FOREO
Business Development Specialist
Efetivo · Lisbon
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services - Compensation (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
MAX MARA PORTUGAL
Sales Assistant - Max Mara - el Corte Ingles
Temporario · LISBOA
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Guimarães Shopping - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Guimarães
ISADORA LIMARE
Communication Assistant
Estágio · LISBOA
Por
Jornal T
Publicado em
9 de jun. de 2021
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Comércio de moda continua em dificuldade na zona euro

Por
Jornal T
Publicado em
9 de jun. de 2021

A recuperação do comércio de moda na Europa continua a passar por dificuldades, com as vendas nas lojas especializadas de têxteis, vestuário e calçado a diminuírem 10,5% na Zona Euro em março face ao mês anterior, de acordo com dados da agência de estatística europeia Eurostat. Esta queda, a maior desde novembro, contrasta com a alta de 13,8% registada em fevereiro.



Os primeiros meses do ano foram condicionados por uma nova onda de restrições na Europa e o comércio não pôde ficar-lhe indiferente. A Eurostat fez um balanço de dez mercados da Zona Euro (19 países no total) tendo sido a Bélgica a apresentar uma maior queda: 31% em março e em relação ao mês anterior, seguido pela Irlanda (16,3%).

Do outro lado, apresentando ligeiros aumentos em março relativamente a abril, estão os mercados de Portugal, Noruega e Roménia.

A agência recorda que os confinamentos não sucederam em todos os países da Zona Euro de forma uniforme, pelo que os dados de cada país refletem uma realidade que pode não ser comparável com os seus parceiros do euro grupo. Mesmo assim, a tendência geral é de dificuldade da retoma – apesar das grandes filas que se encontravam às portas das grandes casas comerciais mal cada país optou por desconfinar.

Copyright © Jornal T. Todos os direitos reservados.