×
305
Fashion Jobs
GIANNI KAVANAGH
PR / Influencers Management
Efetivo · BRAGA
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services Bik - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Comprador de Vestuário (m/f)
Efetivo · Porto
CONFIDENCIAL
Country Manager Iberica Textile
Efetivo · PORTO
SALSA
Ecommerce Product Manager – Desenvolvimento do Negócio Digital da Marca
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
SPORT ZONE
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
FOREO
Business Development Specialist
Efetivo · Lisbon
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
COURIR PORTUGAL
Sales Assistant - Lisboa - CDI - Part-Time - 30h - m/h
Efetivo · LISBOA
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Madeira Shopping - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Funchal
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Funchal Rua - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Funchal
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Alma Shopping - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Coimbra
CLAUDIE PIERLOT PORTUGAL
Vendedor(a) - CDD 15h - 6 Meces - Porto Norte H/F
Temporario · SENHORA DA HORA
TOMMY HILFIGER (RETAIL)
Vendedor/a - 30h - Chiado
Temporario · LISBOA
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
24 de mai. de 2022
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Confederação Euratex destaca exercício de 2021 "encorajador"

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
24 de mai. de 2022

A indústria têxtil e de vestuário europeia conseguiu reduzir o seu défice comercial para 48 mil milhões de euros em 2021, devido a um aumento de 10,6% nas exportações e a uma queda de 7,5% nas importações. Um sinal considerado encorajador pelo organismo representativo Euratex, que acaba de publicar o seu relatório anual, mas que relembra os diversos fatores de instabilidade, do Brexit à Ucrânia, passando pelos custos do transporte.


Shutterstock


“Os números das exportações para 2021, apresentados neste relatório de primavera, confirmam que os membros da Euratex ganharam força”, congratula-se o diretor-geral da organização, Dirk Vantyghem. "Ainda que os preços da energia provoquem sérias perturbações a curto prazo, a nossa ambição a longo prazo mantém-se sermos um líder mundial em matéria de têxteis sustentáveis."
 
Neste último relatório, a Euratex aponta para a ligeira queda dos preços das importações de vestuário, e a queda mais acentuada dos preços relacionados com as importações têxteis. Esta última queda deve-se em grande parte a uma queda no preço das importações de máscaras e proteções médicas provenientes da China, cujos preços subiram em relação ao exercício anterior.

Do lado das exportações, Suíça, China e Estados Unidos terão sido as forças motrizes para o exercício de 2021. Paralelamente, a Euratex observa também a queda de 23% nas exportações europeias de têxtil e vestuário para o Reino Unido. Uma queda relacionada com o Brexit, que causa "atrasos alfandegários e escassez de camionistas" no Reino Unido.

Um efeito Brexit que também se reflete no lado das importações. Os embarques de têxtil e vestuário proveniente do Reino Unido caíram 48% num ano, ou três mil milhões de euros. A Euratex nota também uma queda de 28% nas encomendas vindas da China. O principal fornecedor de têxteis e vestuário da UE caiu assim 13 mil milhões de euros.
 
A Ucrânia é naturalmente mencionada neste relatório. A Euratex destaca que este país prova oferecer "oportunidades preciosas de sourcing" para empresas europeias que procuram aproximar a sua produção (ou nearshoring). Uma tendência para a produção de proximidade que a confederação assinala como uma tendência crescente no setor.
 
O relatório da Euratex dá logicamente um grande espaço ao projeto "Sustainable and Circular Textiles by 2030" apresentado pela Comissão Europeia a 30 de março. O objetivo da iniciativa é que, até ao final da década, qualquer produto têxtil colocado à venda no espaço comunitário seja sustentável, livre de materiais perigosos e produzido em conformidade com as normas sociais.

"Com 100 mil milhões de euros em importações e mais de 20 mil milhões de artigos têxteis 'estrangeiros' a entrarem no mercado único, é necessário um aumento dramático na fiscalização do mercado, sem interromper a fluidez das cadeias de aprovisionamento", alerta a Euratex, que continua a desenvolver o seu centro europeu dedicado à reciclagem têxtil.

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.