×
Por
AFP
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
5 de mar de 2020
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Coronavírus: Givaudan fecha temporariamente centro de pesquisa perto de Zurique

Por
AFP
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
5 de mar de 2020

Na quarta-feira (4), o grupo suíço Givaudan, especializado em perfumes e aromas, fechou um centro de pesquisa, nas imediações de Zurique, depois de descobrir um caso de COVID-19, confirmou um porta-voz da empresa à AFP.


Givaudan em Kemptthal - Givaudan / AFP


"Uma pessoa acusou o teste positivo, algumas horas atrás", disse o porta-voz do grupo suíço, confirmando as informações fornecidas pela rádio local Top Radio. A pessoa em questão veio de fora e esteve de passagem no local. Por precaução, o centro de pesquisa foi fechado para aí se realizar uma limpeza completa e tranquilizar os funcionários.

O porta-voz do grupo também especificou que a decisão de fechar o centro foi tomada voluntariamente, e não a pedido das autoridades. Ainda não se sabe quando o local irá reabrir as portas.

Cerca de 400 pessoas trabalham neste centro de pesquisa em Kemptthal, nos arredores de Zurique. “Alguns funcionários podem trabalhar a partir de casa, mas a situação é mais difícil para a equipa do laboratório", disse o porta-voz do grupo, fazendo notar que os demais centros de produção na Suíça não serão afetados.

A Givaudan, cuja sede está localizada em Vernier, perto de Genebra, é especializada em ingredientes e composições de perfumes, bem como em aromas para o setor de alimentos.

Copyright © AFP. Todos os direitos reservados. A Reedição ou a retransmissão dos conteúdos desta página está expressamente proibida sem a aprovação escrita da AFP.