Cuplé prepara-se para entrar em Portugal com abertura no Porto

A Cuplé, empresa espanhola de calçado e moda, com 30 anos de experiência, continua a abrir caminho e a avançar no mapa internacional. Na próxima primavera, a empresa entrará num novo mercado, Portugal, com a abertura da sua primeira loja no Porto.


Imagem da coleção primavera-verão 2019 da Cuplé, inspirada na atriz mexicana María Félix - Cuplé

O ponto de venda, cuja localização está por confirmar, deverá abrir portas no mês de março, segundo explicou à FashionNetwork.com o CEO da empresa, Francisco Sánchez. Paralelamente, a marca pretende instalar-se “em lojas monomarca nas principais cidades do país”, conforme consta no comunicado de imprensa relativo à expansão da Cuplé em Portugal.
 
A chegada da marca a Portugal vai de encontro àquela que será uma das suas principais linhas de atuação em 2019: o crescimento internacional. A empresa tem planeadas para breve cerca de 20 aberturas, com as quais procura chegar a novas cidades, como Londres e Amesterdão, e a países nos quais ainda não está presente, como o Equador ou os Estados Unidos.
 
Juntamente as aberturas monomarca e franchises (algo que a Cuplé tem vindo a promover desde 1995, quando lançou o seu sistema de franchising), a empresa quer também apostar no canal multimarca. "Queremos fortalecê-lo em 2019, estamos à procura de agentes fora de Espanha e em Espanha já contamos com agentes próprios”, revelou o CEO da empresa.

Alemanha, Holanda e México são alguns dos países nos quais a empresa tem focado o seu crescimento. Tudo isto sem abandonar o mercado espanhol, que representa 65% do seu volume de negócios anual, que em 2018 será superior a 30 milhões de euros, valor "ligeiramente acima" do de 2017, de acordo com Francisco Sánchez


A Cuplé é conhecida sobretudo pelos seus sapatos - Cuplé

No seu esforço para continuar a fortalecer o mercado espanhol, a marca abrirá também, na próxima primavera, a sua primeira flagship store em Sevilha, numa localização ainda por especificar. "Esperamos acabar 2019 com um crescimento de 15% no volume de negócios em Espanha", disse Sanchez.
 
Juntamente com a expansão internacional, o crescimento online será a segunda aposta da Cuplé neste novo ano. "Queremos promover o nosso site próprio sem abandonar os marketplaces nos quais estamos presentes, como o Zalando ou o El Corte Inglés", indicou o CEO da marca, que espera conseguir que, no final deste ano, as vendas online representem 15% da sua faturação. Atualmente representam 8%.

A Cuplé é uma empresa consolidada no mercado espanhol que, apesar da sua natureza internacional, mantém a sua essência familiar. A marca foi fundada em 1987 por Antonia Pastor, cuja filha, Teresa Sánchez, assumiu a direção criativa em maio passado. "A sua essência permanece nas coleções da marca e as suas opiniões continuam a ser tidas em conta, mas ela já não tem um papel diário na empresa", comentou Francisco Sanchez, também filho de Antonia Pastor, sobre a presença atual da fundadora na empresa.

A Cuplé, que lançará em breve a sua coleção primavera-verão 2019, inspirada na atriz mexicana María Félix, é uma marca que exibe orgulhosamente o selo 'made in Spain' e que, além de calçado, também produz roupa e acessórios. Está presente, através de mais de 120 pontos de venda, em quinze países, além de Espanha. A estes será preciso acrescentar, em breve, Portugal.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - CalçadosLuxo - CalçadosDistribuição
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER