×
370
Fashion Jobs
JD SPORT
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
FOREO
Business Development Specialist
Efetivo · Lisbon
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services - Compensation (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
JD SPORT
Demand Planner (m/f)
Efetivo · Maia
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
THE KOOPLES
Sales Assistant 24h - Colombo
Efetivo · LISBOA
ADIDAS
Specialist Gbs Procurement Operations - French Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Credit And Collections Specialist North & Nordics (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Specialist Gbs Taxes Systems (M/F/D)
Efetivo · Porto
JD SPORT
Vendedor (m/f) Sport Zone Vasco da Gama
Temporario · Lisboa
JD SPORT
Vendedor (m/f) Sport Zone Viana Estação Shopping
Temporario · Viana do Castelo
JD SPORT
Vendedor (m/f) Sport Zone Foz Plaza
Temporario · Figueira da Foz
JD SPORT
Vendedor (m/f) Sport Zone Chaves
Temporario · Chaves
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja (Part-Time) - Fórum Madeira - a Tua Melhor Versão
Efetivo · Funchal
Publicado em
20 de jan. de 2022
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Decreto-lei regula autenticidade do couro em Portugal

Publicado em
20 de jan. de 2022

2022 arrancou com uma notícia muito esperada pela indústria portuguesa de curtumes. A 1 de janeiro, entrou em vigor o Decreto-Lei n.º 3/2022 de 4 de janeiro, que regula a autenticidade de todo o couro utilizado em Portugal.
 

O decreto-Lei n.º 3/2022 de 4 de janeiro regula a autenticidade de todo o couro utilizado em Portugal


Em comunicado, a APIC (Associação Portuguesa dos Industriais de Curtumes)  sublinha a sua “enorme satisfação” com a regulamentação da autenticidade do couro em Portugal, “um dos grandes objetivos” dos mandatos de Nuno Carvalho como presidente da direção da associação. Para a associação do setor do couro, o decreto-lei  representa o “'coroar' de um longo caminho" para a indústria.
 
A nova legislação estabelece a definição do termo “couro”, indicando as condições nas quais pode ser utilizado por produtores e fabricantes. Além disso, proíbe a utilização de termos como “couro”, “pele”, “pele curtida”, “couro revestido”, entre outros, para designar quaisquer outros materiais que não cumpram as características definidas.

O novo decreto-lei pretende contribuir “para uma concorrência leal entre os operadores económicos, privilegiando a escolha esclarecida e informada por parte dos consumidores”, garantindo ainda aos “fabricantes os meios legais que lhes permitam evidenciar a autenticidade dos produtos que, direta ou indiretamente, colocam no mercado”.
 
A fiscalização nesta matéria ficará a cargo da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE).
 
Em vigor desde 1 de janeiro de 2022, o decreto-lei prevê um período transitório para os produtos já colocados no mercado, permitindo a sua comercialização até ao escoamento de stocks no limite até 31 de dezembro deste ano.
 

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.