×
384
Fashion Jobs
ZIPPY
E-Commerce Business Technician (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
Sales Associate Centro Comercial Norteshopping
Efetivo - CLT · Porto
SALSA
IT Sap Specialist fi/co e HR
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Gbs Senior Buying Specialist (m/ f) - French Speaker
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
General Ledger Manager (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
H&M
Senior Lawyer - Expansion Department
Efetivo - CLT · Barcelone
CLAUDIE PIERLOT
Vendedor(a) - 30h - CDD 3 Meses - Eci Porto H/F
Trainee · PORTO
TOMMY HILFIGER (RETAIL)
Sales Consultant / Vendedor(a) Tommy Hilfiger 40h - Lisboa - Temporário (1 Mês)
Trabalho temporário · LISBOA
TOMMY HILFIGER (RETAIL)
Store Manager Tommy Hilfiger 40h - Lisboa
Efetivo - CLT · LISBOA
SALSA
Vendedores de Loja Part-Time - Espaço Guimarães (m/f)
Efetivo - CLT · Guimarães
H&M
Fashion or Print Design Student Placement Summer 2020
Efetivo - CLT · Stockholm
MO
mo - Sales Assistant - Sesimbra
Efetivo - CLT · Sesimbra
MO
mo - Sales Assistant - Mafra
Efetivo - CLT · Mafra
MO
mo - Sales Assistant - Arrábida Shopping
Efetivo - CLT · Greeley
ZIPPY
Zippy - Sales Assistant - Spacio Olivais
Efetivo - CLT · Lisboa
MO
mo - Sales Assistant - Pinhal Novo
Efetivo - CLT · Pinhal Novo
ZIPPY
Zippy - Sales Assistant - Paços de Ferreira (Ferrara Plaza)
Efetivo - CLT · Paços de Ferreira
MO
mo - Sales Assistant - Alverca
Efetivo - CLT · Alverca do Ribatejo
MO
mo - Sales Assistant - Setúbal
Efetivo - CLT · Setúbal
MO
mo - Sales Assistant - Beja Retail
Efetivo - CLT · Beja
ZIPPY
Zippy - Sales Assistant - Reforço de Natal - Fórum Montijo
Efetivo - CLT · Montijo
ZIPPY
Zippy_Store Manager_Alfragide
Efetivo - CLT · Amadora

Desfiles da primavera-verão em números

Por
Portugal Textil
Publicado em
today 31 de out de 2018
Tempo de leitura
access_time 3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

O que é que as pessoas realmente procuraram nos desfiles para a primavera-verão 2019? Foram escritas muitas linhas sobre as roupas que desfilaram nas passerelles de Nova Iorque, Londres, Milão e Paris, mas descobrir as marcas e os looks que terão um maior impacto no futuro é uma tarefa difícil.


As conversas e as análises são normalmente dominadas por julgamentos subjetivos e a cobertura mediática é frequentemente influenciada pela publicidade da marca que aparece ao lado. Nesta estação, com o objetivo de fornecer uma análise mais neutra, o Financial Times reuniu os dados do Tagwalk, o motor de busca para a área da moda fundado em 2016, de modo a ilustrar um cenário mais correto e imparcial. O Tagwalk não tem qualquer tipo de publicidade ou artigos pagos (exceto as imagens que aparecem na secção de streetstyle) e utiliza a Inteligência Artificial e dados inseridos por seres humanos para identificar todas as imagens dos desfiles com palavras-chave.

Os dados apresentados são baseados em 11.087 imagens de 259 desfiles em quatro cidades. São consideradas 2,6 milhões de visualizações de páginas entre o primeiro e último dia de desfiles e uma audiência composta por compradores, stylists, jornalistas, empresários e designers. A audiência do Tagwalk é 88% business-to-business, ainda que qualquer pessoa se possa inscrever para utilizar o site. Dos utilizadores registados, 25% vivem em França (onde a empresa tem sede), enquanto os EUA representam 19% do tráfego e o Reino Unido e Itália contam com cerca de 18% cada. 11% dos utilizadores vivem na Ásia.

Quais foram os desfiles com mais visualizações?

A Gucci manteve a primeira posição no ranking, apesar do desfile ter acontecido em Paris, onde havia, mais do que nunca, competição entre as principais marcas. O desfile da marca italiana impulsionou 2,98% do tráfego geral no site.

A Burberry, onde Riccardo Tisci se estreou como diretor criativo da marca, teve o segundo desfile com mais visualizações. Consequentemente, a Burberry subiu 59 posições em comparação com a primavera-verão 2018. A fotografia com mais cliques de toda a estação foi a do look 12 da primeira coleção de Riccardo Tisci, no qual a modelo Adut Akec usava uma camisola, uma saia e sapatos com estampado animal.

A chegada de Riccardo Tisci à Semana da Moda de Londres parece ter dado um novo impulso à visibilidade de toda a cidade. Ainda que fique atrás de Paris, Milão e Nova Iorque, o evento londrino contou com uma subida de 11%, no que toca a visualizações, em relação à estação passada. Paris continua a ter o evento mais popular, representando 39% das visualizações.

O sucesso mais surpreendente é o da Fendi, que subiu oito lugares para se tornar o 10.º desfile com mais visualizações da estação. O interesse na marca, que está agora sob a liderança do novo CEO Serge Brunschwig, nomeado em fevereiro, pode advir do impacto da colaboração com a Fila, que ampliou a notoriedade e o alcance da Fendi.

A Céline, que teve muita publicidade graças também à chegada de um novo diretor criativo, Hedi Slimane, ficou em 11.º lugar no ranking dos desfiles com mais visualizações. O envolvimento mais baixo no Tagwalk poderá ter a ver com o facto da marca ter tido muita exposição nas redes sociais – o mesmo argumento poderá justificar o 12.º lugar da Dolce & Gabbana e o 19.º da Prada.

As palavras-chave associadas à primavera-verão 2019

Das 2.080 palavras-chave presentes no Tagwalk, “floral”, “pequeno”, “acessório para a cabeça” e “cores ousadas” foram as mais frequentemente associadas a imagens da estação. Seguiram-se “monocromático”, “vestido fluido”, “sorvete pastel”, “mistura de padrões” e “festa” (incluindo “glitter”, “lantejoula”, “brilho” e “lamé”). As escolhas poderão significar um novo foco na feminilidade e um declínio da masculinidade e dos visuais oversize, que têm sido tão dominantes nas coleções anteriores.

As palavras-chave não determinam as grandes tendências do retalho, embora as palavras mais pesquisadas possam dar um melhor indício daquilo que editores de revistas de moda e os compradores procuram para a próxima estação. O estampado animal, por exemplo, apenas apareceu em 48 desfiles e 200 looks, mas permanece como uma das palavras mais pesquisada para a primavera-verão 2019, lado a lado com “pop”, “calções de ciclismo”, “rede”, “riscas”, “tie-dye”, “elegante” e “boémio”.

Copyright © 2019 Portugal Têxtil. Todos os direitos reservados.