×
358
Fashion Jobs
MINGA LONDON
Ecommerce Manager
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
MINGA LONDON
Head of Creative Content / Art Director
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
SALSA
IT Retail Systems Specialist – Oportunidade de Suporte e Participação em Projetos de IT
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
GIANNI KAVANAGH
Marketing Director
Efetivo - CLT · BRAGA
SALSA
IT Development Specialist – Oportunidade de Fazer a Diferença no Dia a Dia do Utilizador Final
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
TIFFOSI
Area Manager (m/f)
Efetivo - CLT · Faro
ADIDAS
Buyer - German Speaker (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
JD SPORT
Stock Financial Controller
Efetivo - CLT · Alicante
JD SPORT
Demand Planner
Efetivo - CLT · Alicante
EL CORTE INGLÉS, GRANDES ARMAZÉNS SA
Vendedores de Moda
Efetivo - CLT · LISBOA
RE/MAX COLLECTION, MAXGROUP
Profissional do Setor de Moda (m/f) Com Vertente Comercial
Estágio · LISBOA
BROWNIE
Sales Advisor
Efetivo - CLT · PORTO
BROWNIE
Sales Advisor
Efetivo - CLT · LISBOA
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - 8ª Avenida - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · São João da Madeira
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Parque Atlântico - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Ponta Delgada
CONFIDENCIAL
Engenheiro(a) de Qualidade Têxtil - Vestuário
Efetivo - CLT · PORTO
SANDRO PORTUGAL
Concession Manager - Lisboa el Corte Ingles h/m
Efetivo - CLT · LISBOA
LION OF PORCHES
Técnico(a) de Qualidade
Efetivo - CLT · VILA DO CONDE
RALPH LAUREN
Sales Associate (Vendedor Loja)
Efetivo - CLT · Alcochete
SANDRO PORTUGAL
16 Hours Sales Assistant Lisbon h/m
Trainee · LISBOA
MINGA LONDON
Stylist
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
12 de mar de 2021
Tempo de leitura
5 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Desfiles femininos: tendências para inverno 2021/22 apostam no fim da Covid

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
12 de mar de 2021

A pandemia de Covid-19 continua a propagar-se em muitos países, mas os designers estão a apostar  firmemente em tempos melhores. As suas propostas para o outono-inverno 2021/22 ainda giram em torno de um guarda-roupa confortável e aconchegante, fruto do confinamento, com uma enxurrada de malhas, casacos protetores e fatos soltos monocromáticos, com destaque para as peças utilitárias e básicas. Paralelamente, as coleções de pronto-a-vestir feminino apresentadas em formato digital em Nova Iorque, Londres, Milão e Paris, de 14 de fevereiro a 10 de março de 2021, apostam em força num regresso ao normal com uma irreprimível  vontade de sair e seduzir através de apostas brilhantes e preciosas.
 
1 O macacão 


Issey Miyake, outono/inverno 2021-22 - © PixelFormula


Esta peça utilitária por excelência, que surge há várias temporadas, principalmente no guarda-roupa masculino, tornou-se um incontornável do guarda-roupa feminino, revisitado em todos os estilos e materiais pelos designers. Estilo trench para Issey Miyake, fato na Sportmax ou Salvatore Ferragamo, geométrico na Courrèges, com fecho de correr na Rick Owens, em camurça na Alberta Ferretti.

Assume a aparência de cuecas  de avô em malha na Prada, enquanto a Balmain o reinterpreta em torno do tema espacial e do piloto de caça. Nem falta o macacão de esqui (Chanel, Thom Browne, Emilio Pucci), nem o modelo de noite, proposto em renda preta por Elie Saab.

2 O acolchoado


Dolce & Gabbana, outono/inverno 2021-22 - © PixelFormula


Protetores e reconfortantes, o sobretudo e o casaco acolchoados, de preferência volumosos, instalam-se de forma duradoura no guarda-roupa. O blusão está em ascensão, tanto em espírito de "montanha" com anoraques e botas associados, como na sua variação urbana através de sobretudos, capas, mantas, blusões, coletes.

Pode ser visto até em vestidos na Loewe, Marni e Cecilie Bahnsen. A Beautiful People transforma o blusão maxi num vestido de gala, a Ottolinger num casaco escultura. Na Jarel Zhang, o sobretudo acolchoado pode ser decomposto, na Rick Owens é futurista. A Dolce & Gabbana propõe os seus blusões gigantes em leopardo ou prata cintilante, enquanto a Givenchy aponta para o sportswear XXL.

3 A sobrecamisa 


Dsquared2, outono/inverno 2021-22


Mais leve e flexível que um casaco, mais quente que uma camisa, a sobrecamisa é uma daquelas peças práticas e essenciais que ganharam popularidade desde o confinamento. Aparece discretamente em várias coleções, da Fendi, em versão sólida em lã bouclée, à Edward Crutchley, com um elegante modelo militar. Está disponível em couro, lã ou algodão, em tons pastel ou em xadrez clássico, como na Dsquared2.

4 O look colegial 


Valentino, outono/inverno 2021-22 - © PixelFormula


O vestido preto com a sua elegante gola claudine branca tem algo de reconfortante nestes tempos incertos. Este look, que combina uma certa sobriedade clássica, um toque de burguesia e um regresso à inocência da infância, inspirou particularmente os criadores. O vestido-avental preto desliza sobre a camisa branca na Christian Dior, Simone Rocha e Bmuet(te). Está disponível com plastrão branco na N°21 e na Giambattista Valli.

Destaca-se especialmente a gola oversized, com pontas longas, ou desenvolvendo-se para cima como um morango ou como uma collerette. Assim, uma enorme gola de renda cobre até os ombros a mini silhueta de couro preto de Masha Ma. Bordada com pequenos padrões pretos, é colocada sobre um vestido de bolinhas pretas na Paco Rabanne.

5 Pied-de-poule 


Rokh, outono/inverno 2021-22


Este tradicional padrão a preto e branco, com o seu lado clássico e burguês, também está de volta ao primeiro plano, dessacralizado através de reinterpretações fantasiosas. A Dolce & Gabbana utiliza-o nos bolsos de um blusão Teddy ou num estampado gigante pied d’oie. A Nina Ricci tingiu-o de verde. Na Anrealage, o famoso padrão pied-de-poule explode em mil pedaços num sobretudo, enquanto a Rokh lhe confere um brilho quase metálico.

6 Mangas amovíveis


Rick Owens, outono/inverno 2021-22 - © PixelFormula


As luvas longas e glamorosas e as suas infinitas variações serão o acessório incontornável para o próximo inverno. Transformadas em punhos ou mangas para tirar ou adicionar a gosto, são ideais para o guarda-roupa pós-2020, onde os consumidores aprenderam a consumir menos e melhor.
 

Chiques (Paco Rabanne, Giambattista Valli) ou práticas (Rick Owens), escorregando pelas costas através de mini ombreiras tricotadas na Dawei, as mangas de lã são associadas a um vestido de alças tricotado sexy tom sobre tom na Blumarine. Em popelina branca como uma camisa, permitem que se brinque com a silhueta na Ann Demeulemeester.

Noutras marcas, estas mangas amovíveis dão volume ao braço. De forma geral, a manga continua a crescer, a ganhar amplitude, borbulhante, franzida, cheia de folhos...

7 O vestido trapézio


Courrèges, outono/inverno 2021-22


Reminiscente da despreocupada e frívola década de 1960, o vestido trapézio, assim como a saia e o casaco trapézio, estão de volta às coleções. Esta forma simples, gráfica e prática lembra o look infantil e os anos pop, infundindo energia e bom humor no guarda-roupa de inverno.

8 A peça de joalharia


Jil Sander, outono/inverno 2021-22 - © PixelFormula


A joia será a verdadeira protagonista do outono-inverno 2021/22. Esta enfatiza idealmente um look sóbrio ou minimalista, permite dar caráter ao look, dá brilho com apenas um detalhe, como é o caso de um cinto de ligas de cristal na Chanel. Resumindo, subscreve o desejo de brilhar novamente.

As joias são não só propostas sob a forma de peças importantes e imponentes, como a Schiaparelli tão bem interpretou, mas assumem também o papel de vestuário. Filas de pérolas transformam-se em plastrão na Jil Sander, ornamentos de pedra transformam-se em top na Paco Rabanne, um vestido de pérolas é colocado sobre um body na Dolce & Gabbana. Grandes correntes metálicas estão por toda a parte, envolvendo o pescoço e o corpo.

9 Dourado


Chanel, outono/inverno 2021-22 - © PixelFormula


Lantejoulas, strass, brilhos, pérolas, plumas, tecidos lamé, malhas metálicas...O espírito festivo está presente em diversas coleções. Se as peças prateadas com reflexos ofuscantes são numerosas, propostas num espírito espacial-futurista, o dourado simboliza mais do que nunca o regresso à luz.

Até as coleções mais discretas, como as da Calcaterra ou da Valentino, têm pelo menos um ou dois looks em dourado. Ou mesmo apenas uma peça como o impermeável dourado da Chanel, os vestidos em lamé da Versace, as calças com franjas da Alberta Ferretti, o fato de python da Moschino, as botas cintilantes de Andrew GN.

10 A cauda


Lanvin, outono/inverno 2021/22 - Lanvin


Demonstrando o desejo de festas chiques e vestidos suntuosos, a cauda pode ser encontrada nas coleções prolongando casacos majestosos, roupas teatrais, vestidos de cocktails ou de princesa, em seda, chiffon ou cetim, preferencialmente pontuadas com pedras e cristais.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.