×
357
Fashion Jobs
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services Bik - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Comprador de Vestuário (m/f)
Efetivo · Porto
CONFIDENCIAL
Country Manager Iberica Textile
Efetivo · PORTO
SALSA
Ecommerce Product Manager – Desenvolvimento do Negócio Digital da Marca
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
FARFETCH
Account Manager (Italian Speaker)
Efetivo · PORTO
LION OF PORCHES
Copywriter
Efetivo · MINDELO
SPORT ZONE
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
FOREO
Business Development Specialist
Efetivo · Lisbon
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services - Compensation (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
ISADORA LIMARE
Communication Assistant
Estágio · LISBOA
ISADORA LIMARE
Digital Marketing Assistant
Estágio · LISBOA
ISADORA LIMARE
Community Manager
Estágio · LISBOA
ISADORA LIMARE
Sales Assistant
Estágio · LISBOA
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
26 de abr. de 2022
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Desigual perde Guillem Gallego considerado o arquiteto de renovação da sua identidade

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
26 de abr. de 2022

Guillem Gallego põe um ponto final na sua carreira na Desigual. Nomeado diretor de Marketing da empresa catalã em dezembro de 2018, o executivo vindo da Nike chegou à Desigual como um dos signatários e homem de confiança de Thomas Meyer, que pessoalmente colocou os seus olhos e objetivos no executivo com 15 anos de trajetória na gigante desportiva. Naquela altura, o fundador da Desigual acabava de recomprar 10% do seu capital ao fundo francês Euraceo e preparava-se para finalizar a sua colaboração criativa com Jean-Paul Goude e despedir vários membros do conselho, numa progressiva reestruturação da cúpula e centralização do poder na empresa. Um clima convulsivo em que Guillem Gallego chegou com um objetivo claro: renovar e reposicionar a marca.


Guillem Gallego, diretor de Marketing da Desigual - Desigual


"No final deste mês, encerrarei o meu capítulo na Desigual como diretor de Marketing Global após mais de três anos, uma época de grandes experiências e aprendizagem", anunciou Guillem Gallego no seu perfil do Linkedin. "A tarefa não tem sido particularmente fácil e estou muito orgulhoso do trabalho que realizei e da equipa que construí e liderei. A empresa tem agora uma sólida plataforma de marca que pode permitir o crescimento futuro", acrescentou sobre a sua saída da empresa de moda, que entrará em vigor a 30 de abril. O executivo não revelou o seu próximo destino.

Sob a sua liderança no departamento de Marketing, a Desigual assinou colaborações de sucesso com a atriz e designer espanhola Miranda Makaroff e o designer colombiano-americano Esteban Cortázar. Seguindo as linhas de comunicação de Gallego, em 2020, o discreto fundador Thomas Meyer tomou pela primeira vez a palavra antes da imprensa para contar a história da marca e explicar o porquê da necessidade de evolução. Poucas semanas depois da intervenção, a pandemia golpeou a empresa num momento chave da sua transformação, quando o trabalho de reposicionamento e nova estratégia de marca só contava com pouco mais de ano e meio. "O COVID-19 veio quando estávamos prestes a fazer o maior investimento. Passámos pela pandemia com muito medo e muita ação para podermos suster o impacto e ver onde nos situávamos depois", reconheceu o diretor de Marketing numa entrevista à FashionNetwork.com, no passado mês de novembro.

Por sua vez, a empresa fundada em 1984 em Barcelona agradeceu a Guillem Gallego "a dedicação total e o compromisso, assim como a sua contribuição para o lançamento da nova identidade corporativa e posicionamento de marca, o que constituiu um ponto de viragem". A empresa apresentou o projeto da sua imagem renovada num grandioso evento em junho de 2019. Uma mudança de direção visual e estratégica que incluiu um logótipo invertido e uma redefinição do produto combinada com colaborações criativas com o objetivo de rejuvenescer a sua clientela.
 
"Desejamos-lhe o melhor nesta nova fase", acrescentou a empresa num breve comunicado, detalhando que se encontra atualmente no processo de seleção da pessoa que irá liderar este departamento. "Neste momento, estamos a finalizar as necessidades e características desta posição, tendo em conta os desafios que enfrentamos nesta nova fase e as prioridades da nossa estratégia empresarial", disse.

No seu último exercício financeiro, a Desigual conseguiu regressar ao lucro, depois de se situar em números vermelhos pela primeira vez na sua história, ao registar perdas de 89 milhões de euros em 2020. Por outro lado, o volume de negócios da empresa aumentou 3,4% para 371 milhões de euros, mas manteve-se longe dos números de vendas anteriores à pandemia, quando a empresa liderada por Alberto Ojinaga ganhou 589 milhões de euros. Entre as suas últimas iniciativas, destaca-se o lançamento de coleções cápsula com o fundador da Libertine, o designer de moda americano Johnson Hartig; ou com a estilista italiana Stella Jean, de origem parcialmente haitiana.
 

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.