Diesel: diretor-geral Marco Agnolin abandona o cargo

Momentos importantes na Diesel. Poucos dias após a filial da marca do grupo OTB nos Estados Unidos ter sido colocada sob a proteção do Capítulo 11 da lei americana de falências, são divulgadas informações sobre a saída do seu diretor-geral. 


Marco Agnolin - Diesel

No cargo desde dezembro de 2017, Marco Agnolin, antigo líder da Bershka, não permaneceu muito tempo na marca fundada por Renzo Rosso e deixará o seu cargo a 28 de março, de acordo com as revelações do jornal alemão TextilWirtschaft.
 
A Diesel faz parte do grupo OTB, liderado por Renzo Rosso, que deverá anunciar os seus resultados anuais no início de abril. No ano passado, registou uma queda de 2,4% no seu volume de negócios, para 1,52 mil milhões de euros. Mas, o grupo, que não detalha as suas vendas por marca, destacou a dinâmica da Marni e da Maison Margiela. Alguns meses antes, a Diesel havia perdido o seu diretor-geral e o seu designer, Nicola Formichetti. Sinais de um contexto pouco sereno.
 
De acordo com uma nota interna, o dirigente é obrigado a permanecer no conselho para garantir um período de transição.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

DenimNomeações
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER