Ecologia da Oldtrading seduz australianos da Bella Bodies

É um verdadeiro negócio entre os antípodas. A aposta nas fibras ecológicas por parte da Oldtrading chegou aos ouvidos da australiana Bella Bodies, que não olhou à distância e decidiu desenvolver com a empresa de Famalicão a sua nova linha de vestuário íntimo para mulher, a Bella Eco.



“Esta marca nunca tinha comprado nada em Portugal, nem sequer na Europa, todos os seus fornecedores eram asiáticos, mas quando soube dos materiais com que trabalhávamos decidiu vir a Portugal”, conta Francisco Pinheiro, do departamento comercial da Oldtrading, empresa especializada em vestuário Seamless. Desde o primeiro contacto, em setembro de 2018, os representantes da Bella Bodies visitaram a empresa por quatro vezes, num processo que culminou já com a expedição das primeiras encomendas.

A poliamida biodegradável e o elastano reciclado são algumas das matérias-primas sustentáveis em que a empresa de Famalicão tem investido, numa estratégia especialmente orientada para os mercados mais maduros. “Na Austrália, tal como nos países nórdicos, os clientes são muito sensíveis às questões ambientais e não se importam de pagar mais 5 ou 10% por uma solução mais responsável”, explica o representante da Oldtrading.

Na produção da coleção Bella Eco, composta por t-shirt, leggings e underwear, foi sobretudo utilizada poliamida biodegradável, uma fibra que tem a vantagem de se degradar ao fim de três a cinco anos, enquanto a poliamida mais tradicional resiste a um período de 70 anos.

Apresentada na Austrália a 29 de abril (vídeo abaixo), esta coleção continua a ser acompanhada com muita expectativa pela equipa da Oldtrading. “Foi muito especial para nós desenvolver este projeto, é um daqueles momentos em que uma empresa se sente ganhadora, porque temos o objetivo de promover a utilização destes materiais, e não há nada melhor do que o fazer com um cliente que nos veio encontrar do outro lado do mundo”, destaca Francisco Pinheiro.

Especializada na tecnologia seamless – a confeção de vestuário sem costuras – a Oldtrading trabalha para diferentes sectores como a moda íntima, o sportwear, o vestuário de modelação e o pré-mamã. Atualmente 95% da sua produção é destinada aos mercados externos, tendo como principais destinos a Noruega, Suécia, Holanda, Inglaterra, França e Espanha.

 

Copyright © Jornal T. Todos os direitos reservados.

LingerieIndústriaColeção
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER