×
341
Fashion Jobs
JD SPORT
Marketplace Business Developer (m/f)
Efetivo · Maia
FOREO
Business Development Specialist
Efetivo · Lisbon
SALSA
Ecommerce Product Specialist – Oportunidade de Especialização em Ecommerce
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services - Compensation (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Fico Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs Direct to Consumer Ecommerce (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sales Associate Part-Time - Centro Comercial The Style Outlets - Vila do Conde
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Gestor de Produto (m/f)
Efetivo · Porto
JD SPORT
Demand Planner (m/f)
Efetivo · Maia
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - General Admin - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Director Gbs Accounting & Tax Europe (m/f)
Efetivo · Porto
FAÇONNABLE (RETAIL)
Vendedor/a - 40h - Freeport
Temporario · ALCOCHETE
M+RC NOIR
Executive Assistant
Efetivo · PORTO
M+RC NOIR
Director of Collections / Production Manager
Efetivo · PORTO
THE KOOPLES
Sales Assistant 24h - Colombo
Efetivo · LISBOA
ADIDAS
Specialist Gbs Procurement Operations - French Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Credit And Collections Specialist North & Nordics (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Specialist Gbs Taxes Systems (M/F/D)
Efetivo · Porto
JD SPORT
Vendedor (m/f) Sport Zone Vasco da Gama
Temporario · Lisboa
JD SPORT
Vendedor (m/f) Sport Zone Viana Estação Shopping
Temporario · Viana do Castelo
Por
Jornal T
Publicado em
13 de dez. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

El Corte Inglés aumenta produção de marcas próprias em Portugal

Por
Jornal T
Publicado em
13 de dez. de 2021

Enrique Hidalgo, diretor-geral do grupo El Corte Inglés em Portugal desde março do ano passado, afirmou que a empresa vai "incrementar a produção das marcas próprias” em território nacional, dando assim resposta aos problemas logísticos levantados pelas dificuldades de transportes a nível planetário. “Estamos a falar sobretudo de produtos de moda”, explicou em declarações ao jornal Expresso.



O diretor-geral do El Corte Inglés em Portugal acredita que o reforço de vendas online, que se verificou nos períodos mais agudos da pandemia, veio para ficar: “Em 2019 batemos o recorde de faturação em Portugal, o que aconteceu também nas vendas online”. E especificou: “A percentagem de vendas online passou de 2,5% para 13,5%”.

Com os problemas de abastecimento a serem mais graves na área alimentar, os têxteis e a moda, não estando isentos do impacto das dificuldades logísticas, tem na produção de proximidade uma resposta adequada.

As grandes marcas espanholas têm vindo a deslocalizar uma parte da contratação da produção do leste da Ásia para a Península Ibérica, como fez a Inditex há algumas semanas.

O grupo decidiu, por outro lado, que, até 2030, 40% dos postos de responsabilidade estarão nas mãos de mulheres. O grupo El Corte foi a primeira empresa privada em Portugal a receber o selo de entidade empregadora inclusiva.

Entretanto, o investimento do El Corte Inglés na Rotunda da Boavista, no Porto, vai mesmo avançar. Segundo Enrique Hidalgo, o grupo aceitou diminuir o volume de construção e revisitar a questão do valor da concessão, o que acabou flexibilizar posições e permitir que o projeto avance.

Copyright © Jornal T. Todos os direitos reservados.