×
333
Fashion Jobs
ADIDAS
Senior Project Manager - Fulfilment Programs (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Manager Scm Products - Product Supply / Fulfillment (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Operations Specialist (M/F/D) - HR Services
Efetivo · Porto
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - Mobility (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Manager Gbs HR Services (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Procurement Manager (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Consultant - Sap sd (Afs & s4/Hana) (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Manager Scm Products - Product Supply Primary Data (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Manager Supply Chain Management Products - Tms Integration (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Planning Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Project Manager Supply Chain (M/F/D)
Efetivo · Porto
SALSA
Marketplaces Account Manager - Oportunidade de Contrubuir Para a Internacionalização da Marca
Efetivo · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Buyer (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Specialist Gbs HR Services - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Apo/Ibp (Snp) Consultant (F/M/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Hcm/sf Tech Consultant (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Senior Sap Consultant - Sac/bw-ip/Fico (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Sap Consultant - Sac/bw-ip/Fico (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Manager Controlling & Reporting - Brand Operating Overheads (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Manager Controlling & Reporting - Group Functions Controlling Legal (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Manager Controlling & Reporting - Marketing Working Budget (M/F/D)
Efetivo · Porto
ADIDAS
Specialist Gbs HR Services Bik - German Speaker (M/F/D)
Efetivo · Porto
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
3 de jun. de 2022
Tempo de leitura
5 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

ERL e Winnie New York: o talento americano que ganhou o Prémio Karl Lagerfeld

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
3 de jun. de 2022

A entrega do LVMH Prize teve algumas surpresas, na quinta-feira (2 de junho). Alguns minutos antes de anunciar o vencedor deste ano, Steven Stokey Daley da Grã-Bretanha, Delphine Arnault deu a palavra à medalhista de ouro olímpica Eileen Feng Gu. A esquiadora e modelo sino-americana, responsável pela atribuição do Karl Lagerfeld Prize, impressionou os presentes na Fondation Louis Vuitton em Paris ao anunciar que "devido à excecional qualidade dos participantes nesta edição" o prémio não iria para um, mas para dois dos finalistas. Os seus nomes: Eli Russell Linnetz e Idris Balogun, promotores das marcas ERL e Winnie New York, respetivamente.


Os designers à frente das marcas ERL e Winnie New York - LVMH Prize


Renomeado Karl Lagerfeld Prize em 2019, em reconhecimento do trabalho do Kaiser como júri do LVMH Prize ao longo dos anos, o prémio proporcionará um ano de formação no seio do grupo de luxo francês e 150.000 euros em apoio financeiro aos dois designers nascidos nos Estados Unidos. Anteriormente conhecido como Special Prize, o prémio tem servido para impulsionar as carreiras de designers e marcas como Hood by Air, Jacquemus, Vejas e Rokh.
 
"Karl Lagerfeld é definitivamente um dos meus ídolos e uma lenda da moda. Ganhar um prémio com o seu nome é muito emocionante", admitiu Eli Russell Linnetz à FashionNetwork.com, logo após receber o prémio, que dedicou ao júri, aos Arnault e à sua própria família. "A ERL foi criada como uma fuga, um lugar para criar sem fazer demasiadas perguntas, um mundo cheio de experimentação e de assunção de riscos. Mas nunca esperei que alguém usasse as minhas roupas", sorriu o designer de Venice Beach em Los Angeles, o local de onde provém grande parte da sua inspiração.


Coleção para a primavera-verão 2022 - ERL


O jovem de 31 anos, que lançou a sua primeira coleção completa de roupa masculina em janeiro de 2020, descreveu o seu estilo como "descontraído e nem sempre demasiado sério, mas com uma boa história para contar". Um estilo de assinatura que também é definido pela "vibração colorida e californiana" que permeia as interpretações simples e sensuais dos fundamentos americanos sob a forma de roupa masculina, roupa feminina e coleções sem género. "Nunca me vi como fazendo parte da indústria da moda. O design narrativo é a minha verdadeira paixão", admitiu o americano, que é um amante autoconfiante da fotografia e estudou escrita de ecrã na universidade.

A marca que Kim Jones já notou



De momento, a sua visão não só seduziu o júri do LVMH Prize, como já lhe valeu um look da coleção "fall 2021" na exposição "In America: A Lexicon of Fashion" no Metropolitan Museum of Art em Nova Iorque.
 
Foi também catapultada para os holofotes dos media em maio passado por Kim Jones, que também fez parte do júri do prémio. De uma conversa casual sobre o Instagram, nasceu uma parceria criativa entre Eli Russell Linnetz e o diretor artístico da Dior Men. Conhecido pela sua paixão por colaborações, o designer britânico escolheu-o como convidado surpresa na sua última exposição em Los Angeles. Um show de roupa masculina para a primavera de 2023, que apresentou a cápsula colorida e maximalista "California Couture", como resultado de uma colaboração entre os criativos.


Coleção cápsula "California Couture" - Dior


Sobre os próximos passos para a sua marca, que está agora disponível em 85 pontos de venda internacionais, Russell disse que pretende mudar para novas categorias e trabalhar no crescimento do seu estúdio. "Todo o vestuário artesanal feito no estúdio de Venice é criado a partir de materiais repreendidos. No futuro, gostaria também de construir a minha própria fábrica local onde tudo pode ser fabricado e vendido", explicou sobre a importância do upcycling no ADN da marca. Além disso, o designer está a planear abrir a sua própria loja em Paris num futuro próximo. "É normal. No final deste ano, viajei 12 vezes para esta cidade", brincou.

Da Burberry e Tom Ford à Winnie New York



Aos 29 anos, o designer americano Idris Balogun, à frente da Winnie New York, pode gabar-se de um fundo luxuoso. Licenciado pelo Fashion Institute of Technology e formado no império londrino de alfaiataria Savile Row, o criativo de ascendência nigeriana radicado em Brooklyn, passou pelas fileiras da Burberry, onde trabalhou sob a direção de Christopher Bailey, e foi responsável por menswear e "made-to-measure" da Tom Ford antes de apresentar a primeira coleção da sua própria marca em fevereiro de 2020 em Paris.
 
Um posicionamento premium e uma sólida trajetória que lhe valeu o reconhecimento especial de um júri composto por alguns dos maiores expoentes da moda masculina, como Silvia Venturini Fendi, Nigo e o já referido Kim Jones.


Coleção para a primavera-verão 2022 - Winnie New York


"Foi uma viagem incrível e estou muito grato por ter tido a oportunidade de fazer parte desta plataforma", disse o designer, dedicando o prémio à mãe, irmãos e amigos. De facto, as raízes da sua marca estão também enraizadas nos laços familiares. "Criei a marca como uma homenagem à memória da minha avó, nada me poderia fazer mais feliz que o seu nome esteja agora ao lado do de Karl Lagerfeld", explicou Balogun emocionado à FashionNetwork.com, detalhando que a sua identidade responde ao "luxo na sua forma mais pura", concentrando-se em técnicas clássicas, artesanato, sustentabilidade, alfaiataria e tecidos excecionais.
 
Por exemplo, as peças de vestuário da Winnie New York são feitas de fibras naturais tais como algodão, linho e lã, com o objetivo de "torná-las fáceis de reciclar", e o designer encoraja a utilização de materiais reciclados e restos de stock nas suas coleções. Uma abordagem sustentável que também pode ser explorada graças ao crédito recebido por cada vencedor para comprar tecidos da Nona Source, a plataforma de vendas de tecidos excedentários para as marcas de moda e artigos de couro da LVMH.


Coleção para o outono-inverno 2021 - Winnie New York


"Tive um certo respeito, é muito difícil para mim falar em público e não sabia o que esperar ao apresentar a minha marca ao júri, mas fizeram-nos sentir muito confortáveis e foi uma experiência com a qual aprendi muito", descreveu o designer sobre o feedback recebido, detalhando que as principais questões giram em torno da abordagem da marca, as perspetivas de negócio e o seu potencial de crescimento. Estes sentimentos são partilhados pelos restantes sete finalistas da edição de 2022.
 
No seu caso, o prémio financeiro de 150.000 euros ajudará a marca, que atualmente tem apenas o seu fundador a trabalhar a tempo inteiro, a construir uma equipa, expandir as suas categorias de produtos e desenvolver o seu negócio online e direto ao consumidor. Balogun está também a finalizar os detalhes da próxima apresentação da Winnie New York, que terá lugar em Paris no dia 22 de junho, no primeiro dia da Semana da Moda Masculina.
 

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.