Estée Lauder eleva previsão para o ano

A empresa de cosméticos Estée Lauder Cos Inc. anunciou nesta terça-feira (5) que elevou a sua projeção anual de lucros e vendas após registar resultados trimestrais melhores do que o esperado, impulsionados pela maior demanda por produtos de luxo para a pele. Após o anúncio, as ações da empresa subiram 10%.


DR

Segundo a empresa, o bom desempenho do trimestre foi impulsionado pelo aumento nas vendas na região Ásia-Pacífico, nos canais de retalho online e de viagem, em marcas como La Mer, M.A.C. e Origins, e também pelas fortes vendas das fragrâncias Jo Malone em Londres no final do ano. "Apesar de um cenário volátil e desafiador, estamos otimistas com as perspetivas a longo prazo da nossa empresa", declarou o CEO da empresa, Fabrizio Freda.

A empresa espera agora que o lucro ajustado para o ano fiscal de 2019 atinja a faixa de 4,92 a 5 dólares por ação, ante à previsão anterior de 4,73 a 4,82 dólares. A Estée Lauder espera também que as vendas ajustadas cresçam entre 8% e 9%. Anteriormente, a empresa previa um intervalo de 7% a 8%.

As vendas no setor de cuidados com a pele cresceram 16% no trimestre, enquanto a região da Ásia-Pacífico teve o maior crescimento, de +17%. O lucro líquido atribuível à empresa quadruplicou e atingiu 573 milhões de dólares ou 1,55 dólares por ação, no segundo trimestre encerrado a 31 de dezembro de 2018, em relação ao ano anterior, quando a empresa teve uma taxa relacionada com impostos.

Numa base ajustada, a empresa faturou 1,74 dólares por ação, superando as estimativas de 1,55 dólares, segundo dados da Refinitiv. As vendas líquidas aumentaram 7%, para 4,01 mil milhões de dólares, superando também as estimativas dos analistas, de 3,92 mil milhões de dólares, segundo dados IBES da Refinitiv.

Traduzido por Novello Dariella

© Thomson Reuters 2019 Todos os direitos reservados.

CosméticaEstéticaNegócios
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER