×
Por
AFP-Relaxnews
Publicado em
6 de set. de 2016
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Fashion Week de Nova Iorque: Conselho dos criadores pede mais diversidade

Por
AFP-Relaxnews
Publicado em
6 de set. de 2016

A alguns dias da Fashion Week de Nova Iorque, as coisas ficam sérias. No passado fim de semana, o Council of Fashion Designers of America difunde uma carta lembrando às agências de modelagem que é necessário encorajar ativamente uma maior diversidade nos 'castings'. A iniciativa foi particularmente retransmitida pelo WWD.

Zac Posen - ©Zac Posen / Instagram


A carta assinada por Diane von Furstenberg e Steven Kolb pede que as agências organizem os 'castings' de maneira a incluir mais manequins de cor nas contratações.
 
A iniciativa audaciosa confirma a necessidade de uma mudança em matéria de representatividade na passarelle. O movimento em favor desta representatividade ganhou amplitude nas últimas temporadas. Na primavera de 2016 em Nova Iorque, a artista e criadora Ashley B. Chew abriu caminho, escrevendo 'Black Models Matter' em sua bolsa. Uma mensagem que rapidamente se tornou viral.

O assunto segue pertinente ainda hoje. Este fim de semana, Kanye West destacou com força 'tuitando' um anúncio de audição para seu próximo desfile 'Yeezy season 4' em Nova Iorque. Ele é endereçado 'unicamente às mulheres multirraciais'. A estrela foi criticada nas redes sociais, o que trouxe um contributo para colocar em dia o assunto.
 
A passarelle de West não é a única a tratar da falta de diversidade percebida no setor. Na primavera, para os desfiles outono-inverno 2016, o criador Zac Posen escolheu um 'casting' maioritariamente (87%) não branco, como relatou The Fashion Spot. Idem na Chromat (85%).
 
Na totalidade, cerca de 120 exibições permitiram concluir que os desfiles nova-iorquinos da temporada outono-inverno 2016 foram os mais diversificados até o momento. As manequins brancas compunham 68,1% e as manequins de cor, 31,9%.
 
As questões raciais dominam atualmente os Estados Unidos, e a Semana de Moda Nova-Iorquina poderia servir para veicular uma mensagem positiva. É, ao menos, o que espera o CFDA.

Copyright © 2021 AFP-Relaxnews. All rights reserved.