×
370
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Fundo de investimento QuattroR compra 60% da Trussardi

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
today 15 de fev de 2019
Tempo de leitura
access_time 3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Depois de meses de intensas negociações, a família Trussardi vendeu a participação maioritária da sua marca homónima à QuattroR, um fundo de investimento italiano especializado em “reestruturar e relançar PMEs italianas com dificuldades financeiras temporárias”. A operação agora está completa, embora o valor da transação não tenha sido divulgado.


Andrea Morante (à esquerda), Tomaso Trussardi (centro) eFrancesco Conte (à direita) - DR


Num comunicado, ambas as partes mencionaram um aumento de capital de 50 milhões de euros para “fortalecer os ativos e a posição financeira” da empresa, que estava fortemente endividada. Em 2018, a Trussardi gerou uma receita de 150 milhões de euros. Em 2017, as suas perdas foram de 5 a 6 milhões de euros. Com a falta de recursos suficientes, a empresa enfrentava dificuldades para recuperar. Após a aquisição, o grupo chegou a um acordo com os bancos credores.

A QuattroR, liderada pelo presidente Andrea Morante e pelo diretor Francesco Conte, controla agora 60% da Trussardi, até agora propriedade da holding Finos (100%), controlada pelo irmãos Tomaso e Gaia Trussardi, bem como pela sua mãe, Maria Luisa Gavazzeni. Agora, estrutura acionária mudou, após a criação de uma nova holding, a Levriero Holding. A QuattroR tem uma participação de 70% na Levriero Holding e Tomaso Trussardi detém os 30% restantes. Entre eles, detêm 86% da Finos, única acionista da Trussardi, e os 14% restantes pertencem a Maria Luisa Gavazzeni. Portanto, a QuattroR tem uma participação de aproximadamente 60% na Trussardi.

"A chegada da QuattroR dará à Trussardi os recursos económicos e financeiros para implementar um novo plano de desenvolvimento internacional de cinco anos com Tomaso Trussardi, que assumirá o papel de presidente do conselho de diretores da empresa”, mencionaram as partes envolvidas no comunicado.

Até agora, Tomaso Trussardi era CEO do grupo. Bisneto do fabricante de luvas de luxo Dante Trussardi, que fundou a empresa em Bergamo em 1911, Tomaso é o último membro da família a ter um papel ativo na empresa. Em abril do ano passado, a sua irmã Gaia deixou o cargo de diretora criativa que exerceu durante cinco anos e vendeu a sua participação na empresa, enquanto a outra irmã, Beatrice, vendeu a sua participação em 2016 e continua a concentrar-se no negócio da família do setor imobiliário e na Nicola Trussardi Art Foundation.

Um plano de relançamento da Trussardi será apresentado em breve e uma nova equipa de gestão sénior será selecionada. De acordo com o grupo, o objetivo é “fortalecer o posicionamento e a visibilidade da marca nas categorias de produtos que tornaram a Trussardi conhecida mundialmente”. O relançamento envolverá a diversificação da linha de produtos da Trussardi, especialmente em perfumes, trabalhando com o parceiro de fragrância da marca, o grupo Angelini.

A marca italiana está presente em 47 países com as linhas masculina e feminina de prêt-à-porter, Trussardi e Trussardi Jeans, e com licenças de produtos de relógios, decoração, fragrâncias, óculos, roupas infantis e muito mais. O grupo também opera o Trussardi Café e o restaurante Trussardi alla Scala, em Milão. A marca é distribuída através do seu próprio e-commerce, mais de 160 lojas na Europa e na Ásia, além de 1.800 revendedores multimarca e concessões em grandes armazéns.

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.