G-III dececiona no seu primeiro trimestre de 2019

O grupo americano G-III Apparel anunciou na quarta-feira, 5 de junho, um aumento nas vendas e lucros no primeiro trimestre de 2019, mas estes permanecem abaixo das previsões dos analistas. O volume de negócios da empresa nova-iorquina nos três meses encerrados a 30 de abril aumentou 3,6% para 633,6 milhões de dólares (561 milhões de euros). Segundo o MarketWatch, os analistas previam receitas de 650 milhões.


Até agora, o G-III tem sentido um crescimento nas vendas, que se seguiu à aquisição das marcas Donna Karan e DKNY brands - Instagram: @donnakaran

O grupo, que detém as marcas DKNY e Donna Karan, e licenças como Calvin Klein, Karl Lagerfeld Paris, Guess e Levi’s, registou um lucro líquido de 12 milhões de dólares, contra 9,9 milhões um ano antes.
 
"Os nossos resultados foram uma vez mais impulsionados pelo sólido desempenho no negócio de atacado das marcas internacionais DKNY, Donna Karan, Calvin Klein, Tommy Hilfiger e Karl Lagerfeld", declarou Morris Goldfarb, presidente e CEO da G-III num comunicado.
 
O G-III passou por um forte crescimento das vendas após a compra à gigante LVMH das marcas Donna Karan e DKNY, em 2016, com receitas anuais recordes no final do ano passado. Desde então, o grupo assinou recentemente um contrato de licença para a criação, produção e distribuição dos jeans Calvin Klein para mulher na América do Norte, que se juntam ao portefólio de licenças existentes, que já inclui o prêt-à-porter, acessórios e a roupa de praia das linhas femininas da marca americana.

"As perturbações no setor do retalho nunca foram tão grandes, mas continuamos confiantes na nossa capacidade de nos adaptarmos a desafios únicos. Estamos bem posicionados para um ano sólido e estou convencido de que estamos à beira de alcançar um crescimento significativo nos próximos anos", afirmou Goldfarb.
 
O G-III espera vendas anuais de 3,28 mil milhões de dólares para o exercício de 2019/20, enquanto o lucro líquido deve situar-se entre 163 milhões e 168 milhões de dólares. Para o segundo trimestre, a empresa espera 660 milhões de dólares em volume de negócios e ganhos entre 8 milhões e 13 milhões de dólares. Após o anúncio destes resultados, as ações do G-III caíram mais de 7% na abertura do mercado de ações.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirNegócios
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER