×
368
Fashion Jobs
MINGA LONDON
Ecommerce Manager
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
MINGA LONDON
Head of Creative Content / Art Director
Efetivo - CLT · GUIMARÃES
SALSA
IT Retail Systems Specialist – Oportunidade de Suporte e Participação em Projetos de IT
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
GIANNI KAVANAGH
Marketing Director
Efetivo - CLT · BRAGA
SALSA
IT Development Specialist – Oportunidade de Fazer a Diferença no Dia a Dia do Utilizador Final
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
TIFFOSI
Area Manager (m/f)
Efetivo - CLT · Faro
ADIDAS
Buyer - German Speaker (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
JD SPORT
Stock Financial Controller
Efetivo - CLT · Alicante
JD SPORT
Demand Planner
Efetivo - CLT · Alicante
BROWNIE
Store Manager
Efetivo - CLT · LISBOA
SANDRO
Sales Assistant 12hr Corner Porto h/m
Trainee · LARAMIE
LION OF PORCHES
Gerente (m/f) - Algarve Shopping
Efetivo - CLT · GUIA
LION OF PORCHES
Gerente (m/f) - Oeiras Parque
Efetivo - CLT · LISBOA
CLAUDIE PIERLOT PORTUGAL
Vendedor(a) - 40h - CDI - Eci Lisboa - H/F
Efetivo - CLT · LISBOA
CLAUDIE PIERLOT PORTUGAL
Gestor de Loja - 40h - CDI - Lisboa Colombo - H/F
Efetivo - CLT · LISBOA
CLAUDIE PIERLOT PORTUGAL
Vendedor(a) - 40h - CDI - Lisboa Colombo - H/F
Efetivo - CLT · LISBOA
TAPESTRY
Sales Associate ii - ce pt Vila do Conde (20-39 Hours)
Efetivo - CLT · Vila do Conde
SALSA
Estágio Curricular - People & Talent
Estágio · Vila Nova de Famalicão
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Estação Viana - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Viana do Castelo
THE KOOPLES
Store Manager
Efetivo - CLT · LISBOA
HUGO BOSS
Sales Associate Hugo Boss Factory Outlet Almancil (f/m)
Efetivo - CLT · Quarteira
Publicado em
10 de abr de 2019
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Gant regressa a Portugal com cinco novas lojas

Publicado em
10 de abr de 2019

A marca de moda Gant está de volta ao mercado português. Após cerca de um ano de ausência resultante da falência do grupo Ricon, com quem tinha um acordo exclusivo de distribuição há quase três décadas, a Gant está de volta a Portugal e vai abrir cinco lojas até ao início de 2020.
 

Campanha Gant, primavera-verão 2019


Em janeiro de 2018, o grupo têxtil Ricon encerrou a sua atividade, levando também ao fecho das 20 lojas portuguesas da Gant. Agora, a marca volta a apostar no mercado nacional, mas sem recorrer a qualquer parceiro local. Nesta nova etapa, a Gant Portugal vai integrar o Grupo Gant, juntando-se às subsidiárias da Suécia, Reino Unido, França, Estados Unidos, Benelux (Bélgica, Países Baixos e Luxemburgo), Suíça, Áustria e Alemanha.
 
Brian Grevy, CEO da Gant desde junho de 2018, data em que substituiu Patrik Nilsson no cargo, garantiu à FashionNetwork.com que a marca vai investir fortemente no mercado português nos próximos anos: “Temos um plano claro para investir numa rede de retalho significativa e em soluções shop in shop com os principais parceiros grossistas. Vamos investir em atividades de marca para nos conectarmos ainda mais com o consumidor português, com o objetivo de proporcionar uma forte experiência de consumidor.”

No comunicado enviado à imprensa, a Gant indica que os planos de investimento passam pela abertura de cinco lojas, distribuição em grandes armazéns como El Corte Inglés e Marques Soares e presença em diversos pontos de venda multimarca. Focada na expansão, a Gant Portugal vai inaugurar a sua primeira loja própria no Oeiras Parque a 12 de abril, seguindo-se a abertura de um espaço no Centro Comercial Amoreiras no início de junho. As restantes lojas, cujas localizações não foram especificadas, deverão ser inauguradas entre o outono deste ano e o início de 2020.
 
Definindo Portugal como “um mercado importante para a Gant por várias razões”, Brian Grevy explica em comunicado que a empresa está satisfeita por estar de volta ao país. “ Muitos dos nossos melhores produtos são fabricados lá e é um mercado em que a marca já está bem implementada e valorizada, temos muitos clientes fieis.”
 
Presente em Portugal desde a década de 1990, a Gant reuniu ao longo dos anos uma forte base de clientes. À FashionNetwork.com, o CEO mostrou-se confiante de que a marca poderá “recuperar as quotas de marcados anteriores”, dada a elevada notoriedade da Gant junto dos consumidores portugueses. “Com isso e com o nosso investimento tanto em atividades de marca como nos canais diretos ao consumidor, estamos confiantes de que iremos construir uma forte marca Gant no mercado português, que irá superar as décadas de sucesso anteriores.”
 
Para “fortalecer o mercado, reforçar a equipa e liderar a próxima fase”, a Gant promoveu Martin Mattson, anteriormente global business development director, ao cargo de managing director da Gant Ibéria. Nas suas novas funções, Mattson será responsável por dar “início a uma transição da liderança e das operações de uma perspetiva global para local”.
 
Com raízes na costa leste dos Estados Unidos em 1949, a marca sueca Gant cria peças de roupa premium, acessórios e artigos de decoração para homem, mulher e criança. Atualmente, a marca está presente em mais de 70 mercados, contando com 750 lojas e 4 mil pontos de venda selecionados.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.