×
357
Fashion Jobs
UNREAL FIELDS
Creative/Art Director
Efetivo - CLT · LISBOA
SALSA
Commercial Product Manager - Work With Product in The Fashion Business
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
SALSA
IT Development Specialist – Oportunidade de Fazer a Diferença no Dia a Dia do Utilizador Final
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
ADIDAS
Sap Fico Tech Consultant (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
Buyer (m/f) - French Speaker
Efetivo - CLT · Porto
TIFFOSI
Area Manager (m/f)
Efetivo - CLT · Faro
ADIDAS
Buyer - German Speaker (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
ADIDAS
Buyer - Italian Speaker (m/f)
Efetivo - CLT · Porto
JD SPORT
Stock Financial Controller
Efetivo - CLT · Alicante
JD SPORT
Demand Planner
Efetivo - CLT · Alicante
SALSA
Vendeur(se) Carre Senart 30h
Efetivo - CLT · Paris
LION OF PORCHES
Fotógrafo (m/f) – Vila do Conde
Efetivo - CLT · PORTO
BWGROUP
Fashion Styling And Production
Efetivo - CLT · BRAGA
BWGROUP
Fashion Design Intern
Estágio · BRAGA
CONFIDENTIAL
Concession Manager w/m - Lisboa - Full Time
Efetivo - CLT · LISBOA
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Famalicão - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Vila Nova de Famalicão
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Freeport - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Alcochete
BWGROUP
Controle de Qualidade / Tabelas de Medidas
Efetivo - CLT · BRAGA
LEVI'S
Part-Time 20h Levis el Corte Inglês Gaia
Efetivo - CLT · Vila Nova de Gaia
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Wshopping (Santarém) - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Lisboa
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Évora Plaza - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Évora
SALSA
Salsa Vendedor(a) de Loja - Albufeira - a Tua Melhor Versão
Efetivo - CLT · Albufeira
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
26 de jan de 2021
Tempo de leitura
4 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Giambattista Valli, Julie de Libran e Olivier Theyskens captam energia da Alta Costura

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
26 de jan de 2021

O primeiro dia da Semana da Alta Costura de Paris terminou em beleza com três designers experientes mas ainda muito jovens: o italiano Giambattista Valli, a francesa Julie de Libran e o belga Olivier Theyskens da Azzaro, que apresentaram coleções com toda a energia da Alta Costura.
 

Profusão de folhos e plissados na alta costura maximalista de Giambattista Valli - Giambattista Valli


Giambattista Valli: mistura cultural da alta costura 
 
"Os meus clientes não querem pronto-a-vestir de luxo, querem fantasia, uma grande declaração da alta costura", explicou Valli, o estilista mais apto de Paris, que, entre os momentos de conceção das suas coleções, recebe lições de boxe de um treinador pessoal.

Esses golpes violentos não se manifestaram na sua última coleção de alta costura. Uma alta costura maximalista de proporções fantásticas que no entanto consegue ser delicada e super refinada. Foi revelada na noite de segunda-feira (25 de janeiro) num vídeo em que um belo bailarino de ballet fazia uma serenata a uma série de belezas evasivas. Uma magnífica dança justaposta a imagens da histórica Sevilha.

Este verão, o costureiro nascido em Roma quer as leais fãs com capas feitas de diferentes coberturas de tafetá, com múltiplos folhos; ou saias de balão em tule plissado combinadas com coletes de brocado com bordados de lamela.

Para momentos mais sedutores, vestidos drapeados de ninfa adornados com penas de avestruz ou vestidos de cocktail de tule bordados com flores de porcelana, com um conjunto especial de pétalas de couro à base de tule cortadas à mão e flores delicadamente pregadas em muitos dos looks.
 
Valli dividiu as suas férias de Natal entre Roma e Sevilha. A primeira cidade permitiu-lhe a liberdade de poder almoçar durante várias horas em restaurantes abertos; a segunda serviu de inspiração para esta coleção.

"Considero Sevilha, e também Tânger, ambas fascinantes. Porque há este encontro de duas culturas, hispânica e islâmica, que leva à criação de uma terceira cultura, uma cultura híbrida onde o melhor de dois mundos se mistura. E depois destes últimos anos, precisamos de fronteiras abertas e mentes livres novamente", sublinhou Valli numa conversa pessoal com o site FashionNetwork.com.

As fantasias flamengas vagueavam por baixo das torres mouriscas. Detalhes pontilhados e penas de avestruz evocaram a beleza dos jardins de Alcázar, enquanto os brilhantes vestidos de polca e os vestidos de seda dourada à noite capturaram a Idade de Ouro de Sevilha, na época em que o navegador português Fernão de Magalhães encabeçou a primeira viagem de circum-navegação ao globo (1519-1522), renunciando a nacionalidade em Sevilha para se colocar ao serviço da Coroa de Castela.

O trabalho de Valli atingiu uma nova energia desde que se juntou ao Groupe Artémis, a holding de investimento da família Pinault, como sócio minoritário há dois anos. Há uma delicadeza crescente nos desenhos e uma maior leveza na sua construção.
 
"Tem sido um investimento muito benéfico. Posso concentrar-me no que faço melhor e penso que o meu trabalho é mais forte do que nunca", concluiu Valli.
 

Homenagem retro moderna de Olivier Theyskens para a Azzaro - Azzaro


Azzaro: cinematografia chique

Apenas Romy Schneider faltava à última coleção do designer belga Olivier Theyskens para a Azzaro.

Uma homenagem retro moderna com muita coragem. A coleção foi revelada num vídeo brilhante a preto e branco filmado perto da Maison Lafitte, mesmo à saída de Paris. Uma moda metálica, temperamental e lunática.

 
Tocando as origens da maison dos anos 70, com o glamour e os códigos de bandas metálicas, Theyskens apresentou uma coleção muito focada que atrairá a atenção de milhares este verão.

Vestidos em seda, veludo e viscose, antracite brilhante; vestidos de organza transparente amplamente bordados; ou vestidos de vestais em crepe com fio metálico.
 
O seu aspeto iónico, e a imagem inicial no vídeo, foi a de um vestido em crepe com ornamento feito de anel triplo que se repetia em múltiplos looks.

"Para mim, a alta costura é intemporal", explica Theyskens, que mergulhou nos arquivos históricos da Azzaro no 11.º arrondissement de Paris para conceber esta coleção, acedendo aos vestidos que o fundador criou para Dalida a famosa cantora e atriz egípcio-francesa, descendente de italianos.
 
Numa coleção mista, mostrou também fatos de malha prateada de estrela de rock e casacos elegantes para homens de negócios, cobertos de cristais. Com um casal solitário preso a esta homenagem à Nouvelle Vague.
 

Julie de Libran apresenta uma dança de vestidos de baile à francesa - Julie de Libran


Julie de Libran: em casa com Camille Rowe

Julie de Libran é uma costureira tão confiante que até aparece nos seus próprios vídeos. Nesta estação, vemo-la no exterior a acender um charuto para a bela Camille Rowe na primeira imagem do seu vídeo, antes de apreciarem uma dança de vestidos de baile com lantejoulas cristalinas.

Isso mesmo antes de Rowe, a beleza franco-americana de olhos verdes, entrar numa banheira onde, ao estilo francês, goza de um copo de vinho de Bordéus. Os lapsos de tempo mostram a modelo a usar minivestidos desalinhados cruzados com vestidos micro fluorescentes.
 
De Libran, a mensageira indie de Paris, também se aventurou na alfaiataria com um excelente blazer de trespasse e mini casacos brancos.

Tudo elegantemente filmado pela diretora Sonia Sieff no eclético apartamento modernista parisiense de Julie, situado no elegante bairro de Saint German. As roupas tinham todo o encanto que se associava a cada bairro da moda, e os acessórios (joias Goossens e sapatos Manolo Blahnik) eram impecáveis. No entanto, para uma contribuição à Semana da Alta Costura de Paris, embora carismática e fria, parecia um pouco fraca.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.