×

Grandes armazéns La Samaritaine irão reabrir em Paris

Por
Ansa
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
today 20 de nov de 2019
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Após 15 anos fechados, La Samaritaine, um dos grandes armazéns mais famosos e mais antigos de Paris, vai reabrir portas em abril de 2020 com uma versão totalmente renovada e redesenhada pela LVMH, o gigante de luxo global propriedade de Bernard Arnault, que financiou as obras por 750 milhões de euros.


Fachada Art Nouveau dos armazéns Samaritaine - Pierre-Olivier Deschamps


Numa conferência de imprensa em Paris, Jean-Jacques Guiony, presidente da Samaritaine e diretor financeiro da LVMH, enalteceu o "renascimento, a ressurreição" desta "catedral do comércio" - como era definida na época - um símbolo da capital de França.

O imenso complexo localizado entre o Sena e a rue de Rivoli incluirá um grande hotel da cadeia Cheval Blanc, uma piscina com vista para Montmartre, um centro comercial, mas também bares como o famoso Caffè Cova, da Via Montenapoleone em Milão, restaurantes, escritórios e um berçário.

Copyright © 2020 ANSA. Todos os direitos reservados.