×
306
Fashion Jobs
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
20 de nov de 2020
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Grupo H&M está a aumentar o compromisso com a sustentabilidade através da sua marca homónima e da Arket

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
20 de nov de 2020

O Grupo H&M continua a concentrar-se na sustentabilidade com novas iniciativas, tais como a sua mais recente coleção Conscious Exclusive para a estação de outono-inverno 2020, que vai para além da ideia da mera reciclagem, incluindo "peças requintadas feitas de materiais produzidos de forma sustentável a partir de resíduos".


Look da coleção Conscious Exclusive - H&M


A empresa explica que "aquilo que normalmente é deitado fora é deliberadamente transformado em tesouros para serem amados e valorizados, permitindo-nos apreciar o potencial do desperdício e sermos inspirados pela criatividade que advém da necessidade de reutilizar as coisas".

A coleção, que estará disponível a partir do próximo mês, inclui tecidos e processos que transformam resíduos da cultura alimentar em fibra natural, bem como tecidos feitos de polpa de madeira de origem sustentável, ou utilizando um processo único de confeção por peça de vestuário.

A empresa tornou-se a primeira a utilizar a fibra de celulose Naia Renew da Eastman, fabricada a partir de 60% de fibras de madeira certificadas e 40% de plásticos a partir de resíduos reciclados, tais como fibras de carpetes e embalagens de plástico.

O resultado é uma série de "vestidos de noite faustosos em tafetá preto e jacquard verde, jacquard amarelo, vieiras com flores verdes desbotadas, tops volumosos e fatos à medida". Por outras palavras, trata-se de mais uma coleção de moda, concebida para demonstrar que a sustentabilidade não significa que os materiais tenham de ser de segunda categoria.

A coleção também inclui uma seleção de acessórios, tais como óculos de sol feitos de Made of Air, um material que provém de biomassa residual. E sapatos feitos de Vegea, um couro vegan feito de subprodutos do vinho.

Para além de estarem disponíveis para compra, duas lojas da H&M em Estocolmo e Berlim irão oferecer um serviço de aluguer para seis peças de vestuário diferentes da coleção outono-inverno 2020.

A campanha encoraja as pessoas a "colocarem no lixo". A campanha envolve Zinnia Kumar, uma ambientalista nascida na Austrália, ativista e modelo que vive em Londres.

H&M Conscious Exclusive outono-inverno 2020


O grupo também chegou a um acordo plurianual com a empresa sueca de reciclagem têxtil Renewcell para fornecer milhares de toneladas de fibras virgens de qualidade Circulose fabricadas a partir de resíduos têxteis inutilizáveis.

A empresa disse ser um "acordo histórico" que é "um grande passo em frente na realização do seu objetivo de se tornar uma empresa totalmente circular, ao mesmo tempo que ajuda a impulsionar a agenda da sustentabilidade em todo o setor.
 
Uma das maiores barreiras à substituição das fibras virgens e à utilização de materiais mais sustentáveis é a disponibilidade destes materiais em grande escala e a H&M afirmou que "acordos como este representam uma mudança profunda para o tornar uma realidade".

Dentro de cinco anos, a Renewcell irá fornecer ao grupo, Circulose o suficiente para produzir milhões de peças de vestuário através das suas marcas.

Finalmente, a marca H&M's Arket está a conduzir a sua abordagem verde com uma nova ficha de factos de sustentabilidade "para aumentar a transparência para o cliente eletrónico".

A ficha técnica é uma "declaração de princípios e um relato dos esforços feitos para reduzir a pegada ambiental global dos produtos Arket, incluindo dados de produção para as coleções lançadas em 2020".

A marca publicou também uma lista completa dos seus fornecedores para o ano 2020.

"Há um interesse crescente dos nossos clientes em saber mais sobre os nossos produtos e como são fabricados", explicou Karin Brinck, diretora de Sustentabilidade da marca.

"A nossa filosofia baseia-se na longevidade, simplicidade e práticas responsáveis, e estamos encantados por poder partilhar tudo isto com a nossa comunidade. Acreditamos que é importante estarmos abertos aos desafios que enfrentamos e aos progressos que fazemos", concluiu.
 

Copyright © 2020 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.