×
Por
Ansa
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
11 de jun. de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Gucci renova o Equilibrium com -21% de impacto ambiental em 2019

Por
Ansa
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
11 de jun. de 2020

O compromisso da Gucci com o ambiente continua em foco: Os resultados do EPC (Environmental Profit & Loss) de 2019 foram publicados, mostrando uma redução substancial de -21% no total do seu impacto ambiental, em comparação com o ano anterior.


Logótipo da Gucci Equilibrium, estratégia que promove o tratamento do mundo e de cada um de nós, com vista a um futuro coletivo melhor


A empresa tem um conjunto de metas para uma estratégia de sustentabilidade a 10 anos (2015-2025), que incluem uma redução de 40% dos impactos ambientais totais para as operações directas e em toda a cadeia de abastecimento e uma redução de 50% das emissões de gases com efeito de estufa (GEE) até 2025, em comparação com o crescimento (2015 é o valor de base).

A Gucci está à frente do seu roteiro e perto de cumprir os objetivos: Os números de 2019 mostram uma redução de 39% nos impactos combinados da Assembleia e uma redução de 37% apenas nas emissões de Gig, em comparação com o crescimento. Isto explica o impacto global, reduzido em 21%, graças ao aumento da utilização de matérias-primas recicladas e fibras orgânicas nas recolhas, à extensão de processos sustentáveis e à passagem à energia verde (83% de energia renovável nas suas lojas, escritórios, armazéns e fábricas).


Gucci aposta num futuro de liberdade e igualdade - MP5 Gucci


A empresa anunciou também a renovação do portal "Gucci Equilibrium", lançado originalmente em 2018, e o novo perfil do Instagram "Gucci Equilibrium" para estimular a comunidade em questões cruciais para o mundo em que vivemos.

"É essencial construir um futuro onde a injustiça e a discriminação, sob todas as suas formas, não possam prevalecer. À luz dos acontecimentos atuais, o nosso compromisso de combater o racismo e lutar pela igualdade é agora ainda mais forte", afirmou Marco Bizzarri, presidente e CEO da Gucci.
 

Copyright © 2023 ANSA. Todos os direitos reservados.