×
267
Fashion Jobs
ADIDAS
HR Specialist Gbs Operations - Mobility (M/F/D) - Maternity Leave Cover
Efetivo ·
ADIDAS
Senior Technology Consultant - Product & Supply Chain (M/F/D)
Efetivo ·
ADIDAS
Senior Tech Project Manager - Sales Tech (M/F/D)
Efetivo ·
PRIMARK - PORTUGAL
Estágio Curricular Manager Comercial
Efetivo · PORTO
ADIDAS
Service Manager - Sales Services (M/F/D)
Efetivo ·
ADIDAS
Buyer - German/Italian/French/Spanish (M/F/D)
Efetivo ·
ADIDAS
Senior Specialist Payroll (m/f) - HR Services - German Speaker
Efetivo ·
ADIDAS
Sap Consultant - bw4hana/Sac (M/F/D)
Efetivo ·
ADIDAS
Senior Sap Consultant - bw4hana/Sac (M/F/D)
Efetivo ·
ADIDAS
Senior Sap Consultant - Ariba (M/F/D)
Efetivo ·
SACOOR BROTHERS
Fiel de Armazém (Storekeeper) - c. Comercial Colombo
Efetivo · Lisboa
SPORT ZONE
Financial Controller (m/f)
Efetivo · Maia
SACOOR BROTHERS
Sales Assistant- c. Comercial Ubbo Alfragide
Efetivo · Lisboa
ADIDAS
Senior Sap Consultant - Sac/bw-ip/Fico (M/F/D)
Efetivo · Porto
TIFFOSI
Comprador de Vestuário (m/f)
Efetivo · Porto
FOREO
Marketing Manager - Portugal
Efetivo · LISBON
RITUALS
Sales Assistant (m/f) – Amoreiras – Part Time
Efetivo · LISBOA
RITUALS
Sales Assistant (m/f) – Alfragide – Full Time
Efetivo · CARNAXIDE
CONFIDENCIAL
Gerente
Efetivo · PORTO
JUST FASHION
Modelo de Prova de Roupa Senhora e Assistência Comercial a Vendas em Showroom
Temporario · PORTO
MAJE
Assistant Store Manager - Lisbon Amoreiras
Temporario · LISBOA
CAMPER
Vendedor (a)
Efetivo · LISBOA
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
12 de jul. de 2022
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Gucci une-se à Ellen MacArthur Foundation

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
12 de jul. de 2022

A Gucci continua empenhada no seu compromisso responsável.  A marca acaba de se unir, como "parceira estratégica", à Ellen MacArthur Foundation. O anúncio acontece numa altura em que publica o seu segundo "Gucci Equilibrium Impact Report", detalhando os seus progressos em matéria de redução da sua pegada ambiental, de desenvolvimento sustentável ou de progresso do ponto de vista social, inclusão e paridade.


A imagem escolhida para a capa do "Equilibrium impact report 2021" - Gucci

 
Trabalhando em torno do conceito de economia circular, esta associação fundada em 2010 pela navegadora inglesa homónima ajudará a Gucci "a expandir e integrar ainda mais os princípios da economia circular no âmbito de uma colaboração baseada na promoção da circularidade do design e da progressão no domínio da agricultura regenerativa", conforme indica em comunicado.
 
Como explica Andrew Morlet, diretor-geral da Ellen MacArthur Foundation, graças ao compromisso da Gucci e à experiência da fundação, podem “desenvolver soluções inovadoras capazes de orientar o setor para uma moda projetada para durar mais, ser regenerada e produzida com materiais seguros, reciclados ou renováveis”. “A transição para uma economia circular e regenerativa na moda pode ajudar a enfrentar as causas profundas dos desafios globais, como poluição, mudanças climáticas e perda de biodiversidade".

A Gucci já assumiu um compromisso neste domínio, como recorda no relatório que acaba de publicar. Em particular, através da coleção "Off the Grid", feita a partir de materiais reciclados e de origem biológica e que hoje inclui mais de 70 peças e acessórios de pronto-a-vestir. Mas também com o lançamento do seu site Vault, que revende peças vintage, ou com a criação de Demetra, um material semelhante ao couro, feito a partir de matérias-primas que não são de origem animal.
 
A marca também lançou o projeto Gucci-Up, que possibilita a reutilização, através de um novo ciclo de regeneração, de materiais obsoletos e resíduos gerados pelos processos produtivos. Isto permitiu-lhe recuperar 290 toneladas de sobras de couro, 215 toneladas de resíduos têxteis e 67 toneladas de acessórios metálicos.
 
Na mesma ideia anti desperdício, iniciou o programa Gucci Scrap-less, aplicado atualmente em 13 curtumes, que visa cortar, na fase anterior ao curtimento, apenas a pele necessária para a produção, reduzindo assim as sobras de couro em 253 toneladas -, mas também a quantidade de energia, água (9,5 milhões de litros) e produtos químicos necessários para processar o material, bem como as emissões de gases de efeito estufa (1.085 toneladas de CO2) relacionadas com o transporte de couro dos curtumes para as fábricas.


O progresso de materiais sustentáveis nas coleções entre 2020 e 2021 - Gucci Equilibrium Impact Report 2021


A Gucci começou a interessar-se pela questão do seu impacto no meio ambiente em 2011, publicando as suas contas EP&L (Environmental Profit & Loss) a partir de 2015 e divulgando os seus resultados e metodologia a partir de 2019 através do site dedicado equilibrium.gucci.com .
 
De acordo com o relatório de 2021, que acaba de divulgar, a marca anuncia que reduziu o seu impacto ambiental em 49% e a sua pegada de carbono em 46% desde 2015. Também atingiu 100% de consumo de energia renovável no ano passado em 44 dos 49 países onde está presente (lojas, escritórios, armazéns, fábricas da empresa). A nível mundial, esta percentagem situa-se em 93%, com a empresa a visar os 100% até ao final de 2022.
 
Além dos compromissos com o planeta, este relatório faz também um balanço das iniciativas levadas a cabo pela empresa no ano passado para ser mais inclusiva e responsável. Em termos de paridade, a Gucci afirma ter alcançado, por exemplo, o índice de 58% de mulheres em cargos de gestão e 42% em cargos de direção a nível mundial. Também indica que apoiou 25 organizações com um impacto direto em 28.379 mulheres através da campanha mundial pela igualdade de género "Chime for change".

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.