×
374
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Hugo Boss regista queda de 14% no lucro nos primeiros nove meses do ano

Por
Europa Press
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
today 5 de nov de 2019
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

A empresa alemã de moda e acessórios Hugo Boss anunciou ter registado um lucro líquido de 145 milhões de euros entre janeiro e setembro, o que representa uma queda de 14% em relação ao resultado obtido nos primeiros nove meses de 2018.


Hugo Boss


As vendas da Hugo Boss nos primeiros nove meses do ano totalizaram 2,059 mil milhões de euros, mais 2,3% do que no ano anterior, com um crescimento de 2% na receita da Europa, Médio Oriente e África (EMEA). Na América, a faturação da empresa caiu 1,8% e na Ásia-Pacífico aumentou 7,3%.

No terceiro trimestre, a Hugo Boss registou um lucro líquido de 56 milhões de euros, 15% abaixo do resultado obtido no ano anterior, enquanto a receita da empresa cresceu 1,4%, para 720 milhões de euros.

"O ambiente de mercado difícil demonstra a importância de nos concentrarmos na execução das nossas prioridades estratégicas", declarou Mark Langer, CEO da Hugo Boss, que destacou o crescimento da empresa no canal online e o aumento nas vendas da China.

Para o ano todo, a Hugo Boss espera um leve crescimento nas vendas ajustadas pela taxa de câmbio, e uma queda de 5 a 9% no lucro líquido.

Copyright © 2019 Europa Press. Está expressamente proibida a redistribuição e a retransmissão do todo ou parte dos conteúdos aqui apresentados sem o prévio e expresso consentimento.