×
307
Fashion Jobs
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
26 de out. de 2022
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Inditex fecha venda do seu negócio na Rússia ao grupo Daher

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
26 de out. de 2022

Após rumores iniciados nos últimos dias sobre a possível venda do negócio da Inditex no mercado russo, o grupo têxtil galego confirmou as informações através de um comunicado enviado à Comissão Nacional do Mercado de Valores (CNMV) espanhola esta quarta-feira, 25 de outubro.


Instalações da Inditex - Inditex


“A Inditex chegou a um acordo inicial para a venda do seu negócio na Federação Russa ao grupo Daher, que detém participações relevantes nos setores de distribuição e imobiliário”, anunciou brevemente a empresa fundada por Amancio Ortega, detalhando que os termos desta operação, sujeita a autorização administrativa prévia, permitirá "preservar uma parte substancial dos postos de trabalho que o grupo Inditex mantinha na Rússia". Com uma rede de 515 lojas no mercado, cuja atividade está suspensa desde 5 de março devido à guerra na Ucrânia, a empresa galega contava com cerca de 9000 trabalhadores no país.
 
Embora não tenham sido divulgados os detalhes financeiros da operação, a empresa com sede em Arteixo (A Coruña) indicou que o acordo inclui a "transferência da maioria das instalações" que até agora eram ocupadas pelas lojas das cadeia com que operava no país: Zara, Massimo Dutti, Oysho, Stradivarius e Pull&Bear. Uma vez fechados os diversos acordos com os proprietários dos espaços, os estabelecimentos passarão a albergar pontos de venda das diferentes marcas do grupo comprador e serão “totalmente alheios à Inditex”.

Não obstante, a empresa presidida por Marta Ortega não quis fechar as portas a um possível regresso da sua atividade ao país. "Caso surjam no futuro circunstâncias que, na opinião da Inditex, permitam o regresso das marcas do grupo a este mercado, a Inditex e o grupo Daher contemplam no seu acordo a possibilidade de uma colaboração entre os dois através de um contrato de franchising", explica o comunicado.
 
O novo proprietário do negócio é o conglomerado dos Emirados Árabes Unidos também proprietário do imponente Dubai Mall. Entre as empresas nas quais tem participação está a libanesa Azadea, franqueada da empresa galega no Norte de África e Médio Oriente.
 
Embora antes da cessação da atividade a Rússia representasse cerca de 8,5% do resultado operacional líquido da empresa e as suas vendas rondassem os mil milhões de euros, cerca de 5% do volume de negócios total, a Inditex estima que a provisão de 216 milhões de euros registada no primeiro semestre do ano em curso "cobre substancialmente o impacto da cessação da atividade do grupo na Federação Russa".
 
Depois de Espanha, a Rússia era o maior mercado em volume de lojas para a empresa liderada por Óscar García Maceiras. No caso da Ucrânia e da Bielorrússia, onde a empresa galega operava com 85 e 13 lojas, respetivamente, a atividade mantém-se suspensa.
 
Ao longo dos últimos meses, após a primeira cessação de atividade devido à guerra, muitas empresas da indústria da moda tomaram progressivamente decisões sobre o mercado russo. Embora a H&M tenha optado pelo encerramento definitivo, outras empresas como as espanholas Mango e Tous, optaram pela transferência dos seus negócios físicos para os seus parceiros de franchising locais.

Copyright © 2023 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.