×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
16 de jun de 2021
Tempo de leitura
3 Minutos
Partilhar
Fazer download
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Text size
aA+ aA-

Louis Vuitton: coleção Cruise 2022 combina monumental Land Art e moda

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
16 de jun de 2021

A moda é inspirada pela monumental Land Art, na paisagem e na última coleção de Nicolas Ghesquière para a Louis Vuitton, que foi revelada a partir de uma obra maciça  do escultor israelita Dani Karavan, em França. Uma peça com mais de três quilómetros, que funcionou em simultâneo como passerelle e pano de fundo do evento. 

Louis Vuitton Cruise 2022 Show | LOUIS VUITTON


Estamos a referir-nos ao Axe Majeur (ou Eixo Principal), o extenso percurso pedonal que ainda está a ser construído depois de ter arrancado há quatro décadas, a oeste de Paris, e a partir do projecto do referido artista israelita que vive e trabalha entre Telavive, Paris e Florença. Karavan acompanha a obra há mais de 30 anos, sendo o seu trabalho avaliado pela vertente de compromisso social, e estando também relacionado com o exílio e com a memória.
 
No caso, trata-se de um passadiço insólito que incorpora uma imensa ponte pedonal vermelha, vias férreas, betão branco, relva, árvores e luz solar, entre outros elementos naturais e/ou construídos por mão humana, harmonizados num só. Esta peça de Land Art transformou-se, assim, no cenário ideal para a apresentação da coleção Cruise 2022 da Louis Vuitton.

A obra artística integrada no ambiente fica em Cergy1, no departamento de Val-d'Oise. Simbolicamente, insinua um machado (também axe, na língua francesa), que entra num lago do rio Oise, sobrevoando-o, no centro da nova cidade de Cergy-Pontoise. Este machado imaginário e pelos vistos inacabado (se compararmos a obra feita com os vários planos criados) é composto por 12 estações num comprimento de 3,2 quilómetros. Começa no distrito a que deve o seu nome, Axe Majeur - Horloge (antiga Saint-Christophe), e termina na fronteira com Neuville-sur-Oise, depois de planar sobre as lagoas artificiais de Cergy-Neuville. 


Look da coleção Cruise 2022 da Louis Vuitton - Foto: Louis Vuitton


 A coleção resultante desta inspiração – revelada na terça-feira (15 de junho), num programa de vídeo de oito minutos – mostrou-se repleta de um excitante e utópico otimismo, assim como de pormenores relacionados com a ficção científica.

Nicolas Ghesquière adora as suas impressões da era espacial e estas foram as melhores que alguma vez criou para a Vuitton. Desde casacos de jacquard prateados com covinhas até vestidos de noite rodopiantes com gravuras de arte intergalácticas.

Ghesquière – desde 2013, diretor artístico da Louis Vuitton – misturou humor à roupa em todos os looks, colocando tecidos vibrantes e chinoiserie técnica; ou malhas estilo schoolmarm ou boudoir-chic.

A coleção destacou-se também pela notoriedade de belas e grandes bolsas, particularmente as brancas e turquesas com alças de corrente contrastantes; e das botas de equitação futuristas – concebidas pelo designer natural de Comines, departamento do Norte, na fronteira com a Bélgica –, que se fixaram na memória, com acabamentos de armadura falsa, riscas regimentais e detalhes desportivos vigorosos.


Look da coleção Cruise 2022 da Louis Vuitton - Foto: Louis Vuitton


Sob a égide de Nicolas Ghesquière, a roupa feminina da Louis Vuitton evoluiu para um visual sofisticado e desafiante, mas sempre que o estilista consegue a mistura certa, como fez nesta coleção, o resultado está à vista numa afirmação de moda verdadeiramente poderosa. A encenação desta fantástica peça de Land Art – com a linha do horizonte parisiense visível à distância – foi memorável, ousada, otimista e em certas situações até inesquecível.

A arquitectura e a arte raramente inspiraram e juntas chegaram a lançar um vídeo tão bom, para um desfile de moda, como acontece com este da Vuitton.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.